Inglaterra

Jogador inglês leva cartão amarelo por… beijar o adversário

A época de festas traz consigo muitos significados, sobretudo união e afeto. No futebol, ela parece também amolecer alguns corações, como o de Lee Mansell, do Bristol Rovers, que encontrou a maneira mais peculiar de quebrar o gelo durante uma discussão com JJ O’Donnell, do Gateshead, em confronto da quinta divisão inglesa. Naquela clássica encarada entre dois adversários após algum lance mais ríspido, o jogador se inclinou um pouco mais do que o normal e tascou um beijo no oponente. Talvez inspirado pelo clipe de “Don’t Deny Your Heart”, do Hot Chip.

VEJA TAMBÉM: Três listas com os 23 melhores jogadores do mundo

Infelizmente para Mansell, o árbitro não compartilhava do espírito de boas festas e puniu o atleta com um cartão amarelo. Nada que mexesse com o bom humor do jogador do Bristol Rovers.

“Ou a gente batia cabeça e ele caía no chão ou eu fazia uma coisa besta. Fiz isso para ‘desarmar’ a situação. É a primeira vez que levei cartão por beijar alguém. Entrei no carro, fui para casa e vi que o Twitter estava pegando fogo, e minha esposa disse: ‘No que diabos você estava pensando?’ Mas demos risada e fizemos piada disso depois. É mais uma coisa para adicionar à lista de coisas ousadas que fiz no campo”, contou Mansell.

Depois dessa cena e do tom de “pode vir mais por aí” da fala do atleta, não será surpresa se seus adversários começarem a evitar discussões tête-à-tête com o meia.

Mostrar mais

Leo Escudeiro

Apaixonado pela estética em torno do futebol tanto quanto pelo esporte em si. Formado em jornalismo pela Cásper Líbero, com pós-graduação em futebol pela Universidade Trivela (alerta de piada, não temos curso). Respeita o passado do esporte, mas quer é saber do futuro (“interesse eterno pelo futebol moderno!”).

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo