Inaugurar um estádio é um sonho para um clube de futebol. É o sonho da casa própria do futebol, uma forma de fazer o torcedor finalmente poder se sentir no seu cantinho. O Peñarol inaugurou o Estádio del Siglo nesta segunda-feira à noite em um amistoso com o River Plate, da Argentina, e teve um sonho realizado. Venceu por 4 a 1, viu a torcida fazer muita festa e teve o primeiro gol da nova cancha sendo marcado por Diego Forlán, ídolo e símbolo do futebol uruguaio na última década.

LEIA TAMBÉM: Os 80 anos de Vargas Llosa: As crônicas em que o Nobel de Literatura traduziu o futebol

Antes do jogo, muita festa. O maior artilheiro da história do Peñarol, Fernando Morena, entrou em campo vestindo o manto auri-negro e foi o autor simbólico do primeiro gol. Mais do que isso, ele recebeu o passe da sua neta, Mora, antes de balançar as redes e tornar os gritos no estádio ensurdecedores. Morena tem 203 gols marcados pelos Carboneros, além de 27 pelo River Plate do Uruguai, o que o torno o maior artilheiro do futebol uruguaio na história.

Com a bola rolando, quem balançou as redes pela primeira vez acabou sendo Diego Forlán, em um gol marcante. Ele completou o cruzamento com uma bela finalização, balançando as redes, tirando a camisa para comemorar e levando os 40 mil torcedores no estádio ao êxtase. Vieram ainda os gols de Murillo, Aguiar e Palacios. Ignácio Fernández descontou para o River.

Confira o gol simbólico de Fernando Morena e os gols do jogo abaixo.


Os comentários estão desativados.