Clássico é um jogo realmente especial. Dá para dizer que não há jeito ruim de ganhar um clássico. E ganhar com um gol aos 48 minutos do segundo tempo é algo especial. Foi isso que Mauro Icardi falou depois do jogo em que ele foi o herói, marcando de cabeça o único gol da vitória sobre o Milan no Derby dela Madoninna. O atacante argentino falou sobre a vitória e a confiança do time, assim como o autor do cruzamento, Matías Vecino. Os técnicos, Luciano Spalletti da Inter, e Gennaro Gattuso, do Milan, disseram que a vitória foi merecida.

LEIA TAMBÉM: Capitão fantástico: Icardi decide nos acréscimos e Inter vence Milan no Derby della Madoninna

“Os dérbis tem que ser vencidos, nós dissemos isso a semana toda. Nós tivemos chances, nós acertamos a trave, nós tivemos um gol anulado, então nós merecemos a vitória pelo que nós criamos nos 90 minutos”, afirmou Icardi depois do jogo. “Vencer assim aos 48 minutos do segundo tempo, isso torna tudo mais gostoso”, disse o argentino à Sky Sports, da Itália. “Nós temos que continuar assim. Eu disse antes de ir para a data Fifa que a Inter tinha que ganhar para todos esses torcedores maravilhosos no San Siro, e por nós, porque nós temos que nos acostumar a ganhar consistentemente e fazer disso um hábito de vitória”, continuou Icardi.

“Cabe a nós encontrar consistência, então veremos ao final da temporada onde estamos. Nós temos que continuar assim e continuar conquistando vitórias”, disse ainda o camisa 9 da Inter, mais uma vez decisivo para os nerazzurri. Foi a sétima vitória consecutiva do time, somando todas as competições. O próximo desafio é ainda mais duro: o Barcelona, na quarta-feira. “Nós sabemos o potencial no nosso elenco e que nós podemos lutar contra qualquer um”.

O autor do passe para o gol, Matias Vecino, foi além e disse que o fato da Inter ter feito gols no fim do jogo não é por acaso. “Está acontecendo com muita frequência agora que nós marquemos gols no final, então não é só uma coincidência”, afirmou o uruguaio à Inter TV, depois do jogo.

“É parte por causa do nosso nível de preparo físico, já que corremos até o fim, além disso, nós nunca paramos de acreditar. O dérbi é como uma entidade separada do resto da temporada e nos dá ainda mais confiança para ir para quarta-feira”, disse ainda o volante, já falando sobre o jogo contra o Barcelona. “As pessoas são tão emotivas em relação ao dérbi e nós queríamos dar aos torcedores essa alegria de comemorar”.

Spalletti: “Ganhamos porque jogamos melhor”
Gennaro Gattuso, do Milan (esq.) e Luciano Spalletti da Inter (Foto: Getty Imagens)

O técnico Luciano Spalletti também considerou a vitória da Inter merecida. “Nós queríamos marcar antes. Perfeito teria sido marcar mais cedo e então controlar o jogo e fazer mais gols”, afirmou o treinador. “É óbvio que a Inter mereceu, jogou do início ao fim no campo deles, pressionou alto e fomos para cima. Além disso, nós merecemos elogios. Não porque nós queríamos mais, mas porque nós jogamos melhor”, analisou.

“Se você me disser ‘O time que queria mais’ ganhou, isso não é preciso, isso é desonesto e está disfarçando a verdade. O time que jogou o melhor futebol ganhou o jogo”, disse, ainda, o bravo treinador da Inter. “É perigoso quando você pressiona alto, já que sempre há o risco de ceder o contra-ataque, mas nós fomos perfeitos hoje e forçamos o Milan a continuar a perder a bola. Nós nos certificamos que o Milan fosse incapaz de jogar seu jogo de passe que Gennaro Gattuso falou”.

“Eu vim para cá para vencer, não apenas para sentar no banco por uma razão e tentar levar um salário para casa. Eu vim aqui para organizar o futuro da Inter e os jogadores devem fazer o mesmo”, disse o treinador. “Eu gostei aquilo depois do apito final, Icardi disse que nós temos que encontrar consistência e continuar pressionando. A Inter nos escolheu para trazer este time de volta ao nível que seus torcedores merecem. É o nosso trabalho, nós temos que fazer isso com um senso de pertencimento e provar que eles estavam certos de nos escolherem”.

Gattuso: “A Inter fez mais do que nós”

O técnico do Milan, Gennaro Gattuso, admitiu a superioridade do rival, mas também disse que o time rossoneri teve seus méritos e houve aspectos positivos. “A Inter certamente mereceu mais do que nós, mas se esse jogo acabasse 0 a 0, haveria algumas coisas positivas”, afirmou. “Nós jogamos com um estilo físico de futebol que nós não gostamos de jogar, mas nós fizemos isso bem o bastante. Nós poderíamos passar melhor e fazer isso melhor no contra-ataque”, disse.

“Desde o começo da temporada, meu time não conseguiu segurar o jogo por 90 minutos, mas desta vez nós seguramos tão bem, mesmo com tantas bolas paradas. As únicas lamentações são os últimos 15 minutos que nós tivemos tantos contra-ataques e não aproveitamos. Nós interceptamos quatro ou cinco passes e fomos limpos para o gol, mas continuamos escolhendo errado a última bola. Essa é a minha maior lamentação”, analisou Gattuso.

“No geral, é preciso dizer que a Inter fez mais do que nós”, afirmou o treinador, muito acostumado com o clima do dérbi desde a época de jogador. “Eu não quero criticar individualmente. Houve erros de todos na defesa, Ignacio Abate foi muito cedo para bloquear o passe, Musacchio leu errado o cruzamento também. Nós perdemos o jogo juntos, não por causa de Donnaruma”.

“Nós perdemos porque não jogamos com a coragem certa, nós estávamos distraídos e nós sofremos um gol inocente”, analisou Gattuso. “Çalhanoglu estava começando a parecer cansado e eu não queria mudar o esquema tático, porque além de bolas paradas, nós não tínhamos realmente sofrido até ali. É inútil tentar cruzar na área com os zagueiros deles, então eu preferi usar Cutrone em uma posição mais pela ponta para trazer pernas descansadas e energia para a posição”.

“A Inter é fisicamente forte, nós temos outras qualidades. Nós tentamos desafiá-los fisicamente de qualquer forma e eu realmente gostei da abordagem, jogar um tipo de futebol que nós não estamos acostumados. Nós tivemos nossas chances também, mas sem dúvidas a Inter teve mais oportunidades”, explicou ainda o ex-volante.

Assista aos melhores momentos do jogo: