Contratado a peso de ouro pelo Zenit na última janela de transferências – o brasileiro custou cerca de € 60, o atacante brasileiro Hulk se mostrou otimista com o futuro do clube russo, atual bicampeão nacional e disputando a LIga dos Campeões.

“Estou certo de que no futuro o Zenit será uma das maiores equipes da Europa”, disse Hulk, que revelou ter tido uma boa conversa com o técnico Luciano Spalletti antes de assinar contrato. “Ele me vendeu o clube muito bem, falou sobre a ótima estrutura disponível e o projeto ambicioso de construir um grande time. Foi isso o que eu encontrei por aqui”, finalizou Hulk.

O atacante está treinando com a seleção brasileira na Polônia. Ele já marcou dois gols em seis partidas pelo Zenit e causou ciúmes entre os companheiros por causa do alto salário que recebe, o que levou a uma crise com o capitão da seleção russa, Igor Denisov, e com o atacante Alexandr Kerzhakov.