Há 20 anos, Van Basten abandonava os gramados por causa de lesões. Relembre outros casos

Aos 30 anos, holandês anunciou decisão de pendurar as chuteiras, mas não foi o único forçado a fazê-lo por problemas físicos

“Quando vejo de novo as imagens da despedida dele em San Siro, ainda me sinto comovido. Eu sentia uma injustiça enorme no fato de que ele teria de parar.” As palavras sobre o fim da carreira de Marco van Basten são de Fabio Capello, em entrevista à revista Voetbal International, em outubro do ano passado, mas poderiam ser de qualquer fã de futebol que acompanhou o que o holandês fez nos anos 1980 e 1990. Um dos atacantes mais técnicos a desfilar seu talento nos gramados, Van Basten se viu forçado a encerrar sua carreira precocemente, aos 30 anos, por causa do persistente problema no tornozelo.

VEJA TAMBÉM: Van Basten faz 50 anos, mas ele só quer que o deixem em paz

Nesta segunda-feira, o dia do anúncio da aposentadoria de Van Basten completou 20 anos. O comunicado veio na véspera de um amistoso do Milan com a Juventus, e a imagem que você vê abrir este post é do holandês se despedindo dos torcedores rossoneri no dia seguinte ao da revelação de sua decisão de parar.

Van Basten foi um dos mais proeminentes jogadores a terem sua carreira encerrada mais cedo do que o esperado por causa de uma lesão, mas não o único. E já que a data é de relembrar o adeus do holandês, resolvemos lembrar outros oito atletas que se viram diante de situação semelhante. Listamos desde nomes antigos, como Fontaine, a até casos mais recentes, como o do zagueiro Ledley King. Confira todos eles na galeria abaixo.

[galeria_embeded]