Durou pouco a passagem de Guy Roux pelo Lens. Depois de ficar mais de 30 anos no comando do Auxerre, o técnico não dirigiu os Sang-et-Or nem por quatro partidas.

Roux pediu demissão do cargo neste sábado, no intervalo do jogo do Lens contra o Strasbourg, que estava 0 a 0. Sem o técnico, o Lens perdeu por 2 a 1. “Senti que não tenho a garra de antigamente, e acho melhor que o clube me substitua por alguém mais jovem”, declarou o treinador, após o fim do jogo. “Sei que este será o fim da minha carreira”, completou.

 

A campanha do Lens neste início de campeonato com Guy Roux foi fraca: dois empates e uma derrota em três jogos, com um gol sofrido e nenhum marcado. Segundo boatos, o presidente do clube, Gervais Martel, já teria contatado outros nomes para o cargo, como Jean-Pierra Papin.


Os comentários estão desativados.