Guia Papo de Mina: Brasileirão Feminino tem primeira rodada cheia após paralisação

Por Beatriz Pinheiro, do Papo de Mina

O Campeonato Brasileiro Feminino A1 retornou na última quarta-feira (26), mas nem todas as equipes entraram em campo após a paralisação. A sexta rodada da competição, a primeira completa após a retomada, tem início neste sábado (29), com jogos que acontecem a partir das 14h. O encerramento da rodada fica para segunda-feira (31).

Três jogos marcaram o retorno: na reabertura da quinta rodada, o Santos goleou o Audax por 5 a 0 na Vila Belmiro, assumindo a liderança, confirmada após derrota da Ferroviária diante do Corinthians por 2 a 0. A rodada contou ainda com o empate entre Internacional e Flamengo, com um gol para cada lado.

Confira abaixo informações sobre as equipes que retornam a campo na sexta rodada do Brasileirão Feminino.

Estreia no Mineirão

A abertura da rodada acontece com estreia do futebol feminino no Mineirão. O confronto entre Cruzeiro e Grêmio neste sábado, às 14h, marca não apenas a volta das equipes ao futebol, mas também a primeira vez em que o time feminino mineiro atuará nesse estádio. Atual sétima colocada na tabela, com nove pontos, a Raposa conseguiu manter seu elenco durante a paralisação e conta com o reforço da atacante Mariana Santos.

Do outro lado, a equipe gaúcha ocupa a sexta colocação na tabela, com os mesmos nove pontos do adversário. Comandado por Patrícia Gusmão, o Grêmio retorna à competição sem baixas no elenco. O time retomou as atividades a partir do dia 11 de agosto, quando realizou testagens nas atletas e comissão técnica.

Novidades em campo

Às 15h, a Ponte Preta recebe o Palmeiras no Estádio Moisés Lucarelli. Última colocada e sem somar pontos, a equipe de Campinas passou por uma reformulação total na comissão técnica durante a paralisação do futebol. O treinador Fábio Fukumoto, que comandou o time até a partida contra o Minas Brasília, ainda em 14 de março, deixou a Macaca antes da pausa no campeonato. Cláudio Lopes, que já atuava nas categorias de base do futebol masculino do clube, assumiu o comando técnico a partir do retorno das atividades da equipe, em 15 de agosto.

O Palmeiras também volta a campo com novidades. Se por um lado o alviverde não conta mais com a atacante Bia Zaneratto, que encerrou sua breve passagem pelo time ao retornar de empréstimo ao Wuhan Xinjiyuan, da China, por outro lado conta com as chegadas da zagueira Janaína Queiroz, vinda do futebol português, e da meia Camilinha, ex-Orlando Pride, com passagens pela seleção brasileira. 

Situação delicada

O encerramento do dia terá o encontro entre duas das equipes que mais atravessaram dificuldades durante a paralisação do futebol, Vitória e Iranduba, que se enfrentam às 20h30 no Barradão, em Salvador. Ainda sem pontuar e na zona de rebaixamento para a Série A2, o Vitória atrasou salários das atletas durante a pandemia, mesmo com o auxílio emergencial concedido pela CBF. A equipe retomou as atividades no dia 10 de agosto.

Do outro lado, o Iranduba ocupa a 13ª colocação, com seis pontos. Conforme já reportado pelo Papo de Mina, o clube não recebeu o dinheiro referente ao contrato de patrocínio master com a empresa Vegan Nation e acabou perdendo a maioria de suas jogadoras, precisando recorrer a atletas do futsal para completar o elenco e ir a campo. Na semana que antecedeu a reestreia no Brasileirão Feminino, foi anunciada uma parceria com o 3B Sport, que disputa a Série A2 da competição nacional, e cedeu 19 atletas ao Iranduba.

Reforços do DM

No primeiro jogo de domingo (30), o São Paulo recebe o Minas Brasília, às 14h, em Cotia. Ocupando a nona posição, com sete pontos, o tricolor retornou às atividades no dia 04 de agosto, com realização dos primeiros testes para Covid-19, e não sofreu baixas no elenco durante a paralisação. A equipe contou também com a recuperação das zagueiras Bruna e Maiara, além da atacante Kamilla, que estavam lesionadas.

Assim como as adversárias da sexta rodada, o Minas Brasília também contará com o retorno de uma atleta recuperada de lesão após a pausa do futebol: a lateral Layne estará à disposição. A equipe ocupa a 11ª colocação na tabela, com seis pontos somados. A partida entre São Paulo e Minas Brasília será transmitida em TV aberta, pela Band.

Quem já entrou em campo?

Após vencer o Audax no complemento da quinta rodada, o líder Santos volta a campo no domingo, às 15h, quando visita o Kindermann, no Estádio Carlos Alberto Costa Neves. O time de Santa Catarina é o terceiro colocado na tabela, com 10 pontos conquistados, e retorna após a paralisação com o confronto válido pela sexta rodada. 

No mesmo horário, o Audax recebe o São José no Estádio José Liberatti. A equipe visitante, que retornou aos treinamentos em 4 de agosto, anunciou, na última sexta-feira, a chegada da atacante Sisi, ex-Foz Cataratas, como reforço para a sequência da temporada. O São José ocupa a 12ª posição na tabela, com seis pontos.

Complementando a rodada, também às 15h, a vice-líder Ferroviária recebe o Internacional na Fonte Luminosa. Na segunda-feira (31), é a vez de Flamengo e Corinthians se enfrentam no Estádio Giulite Coutinho, às 19h.