O treinador Pep Guardiola ressaltou o fato de ao menos três times ingleses estarem nas quartas de final da Champions League, depois da classificação do Manchester City na terça-feira (12), diante do Schalke 04. Antes dos Citizens, Manchester United e Tottenham já tinham conquistado suas vagas. A classificação do Manchester City veio de forma avassaladora com uma goleada por 7 a 0 sobre o Schalke 04, o que fez com que as qualidades do time fossem ressaltadas.

LEIA TAMBÉM: Arrasador, Manchester City afasta desconfianças e escancara crise no Schalke

“No segundo tempo nós fomos incrivelmente bem, jogando rápido, a dinâmica, as transições, nós marcamos sete gols”, afirmou o treinador Pep Guardiola, que elogiou também Leroy Sané, quando perguntado se gostou da atuação do alemão. “Depois do primeiro gol, sim; antes, não. Ele não estava sendo agressivo o suficiente nos primeiros 20 minutos. Eu gosto quando ele corre, ele é agressivo e vai”.

Guardiola também elogiou o brasileiro Danilo, que jogou como zagueiro na partida. “Eu quero elogiá-lo porque ele foi incrível. Eu o coloquei como lateral esquerdo e ele não reclama; lateral direito, não reclama; volante nos minutos finais contra o Chelsea na final a Copa da Liga, não reclama; joga como zagueiro, não reclama”, afirmou Guardiola.

Ele ressaltou a importância de times ingleses conseguirem chegar às quartas de final, uma competição que tem sido dominada pelos dois gigantes espanhóis. “É bom para o futebol inglês que três times estão nas quartas de final e o Liverpool também, talvez”, afirmou Guardiola após o jogo contra o Schalke. “Na última década, os times espanhóis controlaram tudo. É bom para nós. Para o futebol inglês, é incrível”.

Os últimos cinco títulos da Champions League foram conquistados por times espanhóis, quatro do Real Madrid e um do Barcelona. Só que o Real Madrid já foi eliminado pelo Ajax, enquanto o Atlético de Madrid caiu diante da Juventus. Resta apenas o Barcelona, que joga nesta quarta-feira diante do Lyon.

Enquanto isso, os ingleses avançam. O Manchester United eliminou o campeão francês Paris Saint-Germain; o Tottenham eliminou o Borussia Dortmund; o Manchester City bateu o Atlético de Madrid. Um time inglês não é campeão desde 2012, quando o Chelsea ficou com a taça. O Liverpool chegou à final na temporada passada, mas perdeu do Real Madrid.

Apesar de falar que seria bom para o futebol inglês esse grande número de clubes do país nas quartas de final, Guardiola disse que torcerá pelo Bayern contra o Liverpool. “Eu quero o Bayern, desculpem os ingleses. Eu sou um grande torcedor deste clube e eu amo Munique e todas as pessoas. Eu gostaria que o Bayern avançasse, mas não será fácil, é um jogo muito duro para os dois”, avaliou o treinador do City.

Guardiola foi campeão da Champions League duas vezes pelo Barcelona, em 2008/09 e 2010/11. Ao ser perguntado se com o seu histórico, e a eliminação do Real Madrid, como algo positivo para o City, o treinador tratou de minimizar as expectativas. “Nós ganhamos duas, mas eu perdi sete. Eu não sou o Real Madrid… Nós iremos tentar. É tudo que eu posso dizer. E se não conseguirmos neste ano, posso garantir que tentaremos de novo ano que vem”, disse o treinador.

O sorteio das quartas de final será na próxima sexta-feira. Não haverá qualquer trava no sorteio e, portanto, podemos ter confrontos entre times do mesmo país – como aconteceu na temporada passada, quando o City perdeu para o Liverpool.