O técnico Pep Guardiola lamentou a ausência de David Villa para o restante do Mundial de Clube, mas afirmou o Barcelona buscará o título mesmo sem o atacante. Villa sofreu uma fratura na perna nesta quinta-feira, em partida contra o Al Sadd, e permanecerá fora dos gramados pelos próximos cinco meses.

“Villa está voltando para a Espanha para operar. Não me pergunte sobre a substituição dele por algum jogador em particular, nós teremos que jogar sem ele para nos tornarmos campeões do mundo”, disse, em coletiva após a partida.

O técnico aproveitou a ocasião para elogiar o Santos, adversário na final: “O Santos tem uma grande história, Pelé jogou pelo clube e eles tem desenvolvido vários jogadores maravilhosos. Eles tem jogadores jovens excelentes e um time muito competitivo”.

“Eles tem jogadores talentosos e estou feliz por jogar contra o Santos. Eu não pude assistir ao jogo deles no estádio, mas verei à gravação e estou pensando no que irá acontecer na partida”, completou.