Golaço e filho pródigo levam o Malmö de volta à Liga dos Campeões

De volta ao clube de infância, Rosenberg marca duas vezes na classificação do Malmö, mas quem roubou a cena foi Eriksson com uma pintura

Vice-campeão europeu em 1979, o Malmö não vive os seus melhores dias e nunca disputou uma edição da Liga dos Campeões moderna. Mesmo no formato antigo, parou na segunda rodada em 1990 e 1991. Por isso, a classificação para a fase de grupos do principal torneio europeu de clubes tem que ser muito comemorada. E foi conquistada com um golaço de Magnus Eriksson e mais dois de Markus Rosenberg, que compuseram a vitória por 3 a 0 sobre o Red Bull Salszburg, em casa (o jogo de ida foi 2 a 1 para os austríacos).

LEIA MAIS: Athletic confirma: ninguém mais bate os clubes espanhóis nos mata-matas

Rosenberg, hoje com 33 anos, defendeu o Malmö pela primeira vez quando tinha apenas cinco. Ficou no clube até 2005, quando se mudou para a Holanda, jogou pelo Ajax e ganhou mais reconhecimento no Werder Bremen. Voltou nesta temporada para o seu clube de infância e foi o autor de dois gols tão importantes quanto simbólicos.

Mas quem roubou o show foi Magnus Eriksson. Ele pegou de primeira um voleio de fora da área e encobriu o goleiro Péter Gulácsi, do Salszburg. Uma pintura que vale a pena ver de novo:

Você também pode se interessar por: 

>>>> Aqui estão os classificados e como eles foram divididos para o sorteio da Liga dos Campeões

>>>> França pode ter apenas dois times na próxima LC, e quem ganha espaço é a Rússia