Ashley Westwood abriu o placar da vitória do Burnley por 2 a 1 sobre o Southampton, neste sábado, de uma maneira muito pouco comum. Aos dois minutos, cobrou escanteio tão fechado que ele passou por todo mundo, com destaque para Danny Ings, e foi afastado pelo goleiro Alex McCarthy quando já havia cruzado a linha. O gol olímpico de Westwood valeu a terceira vitória em quatro rodadas para o time de Sean Dyche.

Os jogadores do Southampton não estavam tão concentrados quanto se espera em um lance desses. A começar por Ings, que vê a bola indo em sua direção e tira o corpo, para deixá-la sair ou para permitir que o goleiro a agarre. O problema é que McCarthy, que estava no meio da pequena área, não teve um excelente senso de posicionamento e recuou para dentro do gol. Sequer fez a defesa. Apenas deixou a bola bater em seu corpo, tanto que Ben Mee completa o rebote e comemora como se o gol fosse dele.

Ings, pelo menos, se redimiu ao anotar o gol do Southampton, aos 18 minutos, com um forte e preciso chute rasteiro de fora da área, seu 15º tento na Premier League. No segundo tempo, Matej Vydra garantiu a vitória do Burnley com uma bonita jogada individual.

Depois de ganhar apenas quatro rodadas em 14, o Burnley se recuperou e está há quatro rodadas invicto, com vitórias contra Leicester, Manchester City e o Southampton, que segue com problemas dentro de casa, além de um empate contra o Arsenal.

.

.

.