Contratar Luís Fabiano aos 35 anos em um time já criticado por ter veteranos demais foi uma aposta do Vasco que tem rendido. O veterano centroavante demorou a engrenar, mas vem sendo importante no Brasileirão com seus cinco gols até aqui. Neste domingo, o atacante teve um papel importante ao sofrer a falta na entrada da área. Foi a vez de outro veterano se apresentar. Nenê cobrou bem, marcou um belo gol de falta que acabou sendo o único do triunfo sobre o Atlético Goianiense em São Januário.

LEIA TAMBÉM: [Vídeo] Nos 55 anos do bi mundial do Brasil, a transmissão completa da final em Santiago

Os três pontos são muito importantes para o Vasco. Primeiro, porque não se pode perder pontos contra o Atlético Goianiense, um time que confirmou nestas primeiras rodadas do Brasileirão as previsões que era um dos favoritos ao rebaixamento. O Vasco tem como primeiro objetivo justamente não cair e, portanto, não pode haver vacilo contra um time tão fraco quanto os goianos.

Nestas dez primeiras rodadas, o time enfrentou Palmeiras, Bahia, Fluminense, Grêmio, Corinthians, Sport, Chapecoense, Avaí, Botafogo e agora o Atlético Goianiense. O aproveitamento é de 50%: cinco vitórias, cinco derrotas. Não é espetacular, mas tira o time da ponta de baixo da tabela, a primeira preocupação. São seis jogos em casa e quatro fora, o que é também uma vantagem da tabela. O time precisa de pontos para estar em uma situação mais tranquila ao longo do Brasileiro.

Diante das 20.658 pessoas que compareceram a São Januário, o Vasco teve em Nenê um ponto confiável de novo, assim como Luís Fabiano. Os dois podem não estar no seu melhor momento da carreira, mas ainda podem conseguir pontos por si. Isso já é um trunfo para o Vasco conseguir estabilidade. O time ainda tem um problema por tomar gols demais – é neste momento a pior defesa, com 20 tentos sofridos, dois a mais que a Chapecoense, que ainda joga na rodada contra o Atlético Mineiro em Chapecó. O desafio de Milton Mendes é encontrar o equilíbrio e tirar o melhor de Luís Fabiano e Nenê, além dos jovens valores do clube, especialmente Douglas, um dos melhores do time.