Giovani do Santos não jogará a final Olímpica. O principal jogador da seleção México não treinou nesta quinta-feira e os exames médicos mostraram uma lesão que o tirará dos gramados por algumas semanas. Havia ainda uma esperança que o jogador do Tottenham se recuperasse a tempo do jogo.

O camisa 10, que se destacou nas quartas de final contra Senegal – vencida na prorrogação pelo México por 4 a 2 – tem uma ruptura fibrilar e não terá condições de tentar ajudar o México a vencer o Brasil na final do futebol masculino em Londres, neste sábado.

Com duas assistências e três gols nos Jogos Olímpicos, o jogador era uma das principais esperanças do time. O camisa 10 começou o torneio no banco de reservas, com Miguel Ponce como titular. Ponce é o favorito para ocupar a vaga do jogador na final olímpica contra o Brasil neste sábado, às 15h45 (horário de Brasília). O jogo será no estádio de Wembley.