Laurent Blanc parece ter um começo vitorioso como técnico da França. Nesta quarta, em Wembley, a seleção francesa superou um grande desafio, vencendo a Inglaterra por 2 a 1, em amistoso. Foi a quarta vitória seguida dos Bleus sob o comando de Blanc – e o segundo jogo sem vitória do time comandado por Fabio Capello.

No primeiro minuto de jogo, o English Team até assustou. Após falta sobre Andy Carroll, Steven Gerrard arriscou o chute forte na cobrança, mas o goleiro francês Hugo Lloris agarrou sem problemas, encaixando a bola.

Todavia, logo depois, tendo espaços no ataque e criando jogadas com rapidez, a França chegou ao ataque. A primeira chance veio aos oito minutos, quando Florent Malouda avançou pela esquerda e cruzou rasteiro. O goleiro Ben Foster teve dificuldades, mas defendeu.

Novamente, aos 12 minutos, pela direita, a França chegou. Malouda cruzou da direita e, após Joleon Lescott ter desviado para trás, Yoann Gourcuff bateu forte, exigindo de Foster boa defesa.

Com a pressão, enfim, veio o gol francês. Aos 17 minutos, pela esquerda, Karim Benzema tabelou com Malouda. E o atacante recebeu de volta, na entrada da área, chegou mais próximo do gol e bateu rasteiro, no canto direito de Foster, abrindo o placar para os Bleus.

Só aos 27 minutos o time de Fabio Capello voltou a aparecer. James Milner recebeu a bola pela esquerda, de Carroll, e arriscou chute, mas Lloris defendeu. Porém, no minuto seguinte, a França contra-atacou: Gourcuff deixou a bola com Malouda. Na meia-lua, o meio-campista tocou para Benzema, que entrava pela esquerda e bateu torto, para fora.

Tendo saído para o intervalo sob vaias, a Inglaterra tratou de retornar ao segundo tempo com mais força ofensiva. Logo aos três minutos, Gerrard fez bom passe para Micah Richards. Substituto de Rio Ferdinand, o lateral cruzou para a área, mas a defesa francesa cortou.

Porém, rapidamente, a França esfriou o ânimo inglês, fazendo o seu segundo gol. Aos 11 minutos, pela direita, Bacary Sagna chegou livre para cruzar. E, com a bola na área, Samir Nasri tentou desviar, mas foi Mathieu Valbuena quem mandou a bola para as redes, fazendo 2 a 0.

Restou aos ingleses continuar tentando. Aos 19 minutos, após falta cobrada, em que a bola foi lançada para a área, Gerrard dominou-a na esquerda da grande área, tocando de cabeça. A bola assustou Lloris, quicando no travessão e indo para fora. E, aos 35, após chute rebatido pelo goleiro francês, o camisa 4 inglês novamente apareceu, tentando o arremate. Porém, bateu para fora.

Depois, a França ainda assustou, aos 37: Nasri chegou à área, cortou para a direita e bateu forte, na trave esquerda de Ben Foster. No entanto, um gol tardio deu esperanças à Inglaterra: aos 41 minutos, Ashley Young cobrou escanteio da esquerda, e Peter Crouch completou, na segunda trave, de voleio, marcando o primeiro do English Team.

Nos acréscimos, aos 47, Jay Bothroyd quase conseguiu o empate, cabeceando alto. Mas Lloris defendeu. E a França pode comemorar mais uma vitória.