Final de gigantes

A decisão da Copa do Rei entre Athletic Bilbao e Barcelona reunirá os dois maiores times da história do torneio: são 23 títulos para os bascos e 24 para os catalães, recordistas. Somados, eles têm 67 participações em finais.

O Athletic aplicou impressionantes 3 a 0 no Sevilla, que podia ser considerado favorito no confronto. Um cambaleante Barcelona levou um susto quando o Mallorca saiu na frente, ficando a um gol de forçar a prorrogação. Então, apareceram o herói improvável – o goleiro reserva Pinto, que defendeu um pênalti – e o esperado – Messi, que saiu do banco de reservas para mudar o jogo e decretar o empate.

Os dois finalistas têm um comum, além do excelente retrospecto na competição, o fato de carregarem um forte orgulho das regiões que representam. O título, no entanto, teria significados diferentes para os dois lados. O Barça pode até terminar a temporada com uma tríplice coroa, enquanto o Athletic tem a chance de acabar com um jejum de títulos de 25 anos.

A Copa do Rei de 1984 foi conquistada pelos bilbaínos justamente contra os blaugranas, em uma decisão manchada pelo tumulto generalizado provocado por Maradona. Veja o vídeo abaixo.