Salve, salve, amigos e amigas da Trivela! A emergência do coronavírus é séria e precisamos respeitar as orientações da Organização Mundial de Saúde e não sair de casa. Vamos repetir: se puder, não saia de casa. E para ajudar nisso, temos uma dica. O documentário “Geraldinos” foi colocado inteiramente de graça no Youtube pelos seus produtores. O documentário é dirigido por Pedro Asbeg e Renato Martins e foi lançado em 2015, no festival “É tudo verdade”.

Veja a sinopse do filme:

“Construído em 1950 para a primeira Copa no Brasil, o Maracanã foi, por 60 anos, o espaço mítico do futebol-arte. Nesse território, a ‘Geral’ era o lugar destinado ao povão. Não havia como jogadores e técnicos deixarem de ouvir as críticas e até xingamentos dos torcedores apaixonados, figuras não raro folclóricas que ficavam bem perto do campo. Dedicado à memória destes torcedores, o filme analisa as mudanças na reforma do estádio, em 2010, que decretaram não só o fim da concepção de um espaço para todos, mas a instalação de um modelo mais elitista de espetáculo e de cidade”.

Abaixo, o comunicado da produtora e o filme, para você assistir aí, da sua casa, onde esperamos que você possa ficar seguro.

Vivemos um momento difícil, de incertezas e apreensão. Podemos, no entanto, como em tantas situações na vida, buscar pelas coisas positivas que aparecem até na adversidade. A mobilização coletiva e a solidariedade são algumas delas e a hora é de avaliar como cada um pode contribuir.

Entre algumas ações possíveis, decidimos disponibilizar nossos trabalhos em uma plataforma popular e levar um pouco de entretenimento (e reflexão, por que não?) até as pessoas que estão isoladas pelas próximas semanas por conta do coronavírus.

O Brisa é o espaço de difusão desses trabalhos, que ficam disponíveis a partir de hoje.

“Geraldinos”, filme de Pedro Asbeg e Renato Martins, sobre o fim da Geral do Maracanã e o processo de elitização do estádio vivido desde 2005, abre esse novo canal de distribuição e comunicação.

Bem vindos e boa sessão!