Ferguson comemora bodas de prata contra Sunderland

O confronto entre Manchester United e Sunderland seria uma partida comum, não fosse um detalhe histórico importante. O jogo no Old Trafford marca os 25 anos de Alex Ferguson no comando dos Red Devils, que serão completados no domingo. Com o United na segunda posição da Premier League, os três pontos seriam presente mais que ideal para o escocês manter a perseguição ao rival Manchester City.

Em entrevista coletiva realizada nesta quinta-feira, Ferguson já havia comentado a data: “Tem sido um conto de fadas e eu continuarei até quando eu me sentir com saúde para fazer isso. Foi um período fantástico para mim. Tive sorte de trabalhar com alguns dos melhores jogadores do mundo”.

Para o jogo festivo, Ferguson deverá que superar diversos problemas em seu elenco. Entre os jogadores que povoam o departamento médico do clube estão vários meio-campistas, entre eles Ashley Young, Ryan Giggs, Tom Cleverley e Anderson.

Além disso, tanto Michael Carrick quanto Darren Fletcher são dúvidas. Se a dupla de volantes for confirmada, eles devem ser acompanhados por Park e Nani nas meias. Chicharito Hernández, ao que tudo indica, formará dupla de ataque ao lado de Wayne Rooney. Contudo, não será surpreendente se o camisa 10 for recuado para o meio-campo pela terceira partida seguida.

Já na defesa, o maior receio fica mesmo com quem volta. Johnny Evans, expulso na goleada sofrida para o Manchester City, cumpriu suspensão e deve fazer parte da zaga titular, ao lado de Nemanja Vidic. Sem Smalling e Rafael, Phil Jones jogará na lateral direita e Patrice Evra segue intocável na esquerda.

Para estragar a comemoração dos Red Devils, o Sunderland terá que quebrar uma marca incômoda. O clube, atualmente na 14ª posição, não vence o United há 18 partidas, contando apenas os encontros válidos pelo Campeonato Inglês. 

Os Black Cats não contarão com o goleiro Simon Mignolet e o defensor John O’Shea, que se machucaram no último final de semana. David Vaughan sentiu um problema no púbis também contra o Aston Villa e não está garantido entre os titulares. Assim, os principais encarregados de atrapalhar a comemoração são os meias Sebastian Larsson e Stephane Sessègnon, além do atacante Nicklas Bendtner.

City tenta manter sequência de vitórias no Loftus Road

Atual líder da Premier League, o Manchester City encara o Queens Park em Loftus Road neste sábado. Os Citizens tentam ampliar ainda mais a vantagem de cinco pontos no topo da tabela, além de manter a ótima fase recente. Depois que foi superado pelo Bayern Munique no fim de setembro, o clube conseguiu sete vitórias seguidas, mantendo média de quase quatro gols por jogo.

Destaque principalmente no massacre contra o United, o meia David Silva é a principal dúvida para a partida, com um problema nas costas. Sem o espanhol, Samir Nasri, Sergio Agüero e Adam Johnson formam o tridente ofensivo no apoio de Edin Dzeko.

Já na defesa, Vincent Kompany está suspenso e será substituído por Stefan Savic, que formará dupla de zaga ao lado de Joleon Lescott. Pelo QPR, as dúvidas ficam com Kieron Dyer e Adel Taarabt, que passaram pelo departamento médico durante a semana e não estão confirmados pelo técnico Neil Warnock.

Confira os jogos da 11ª rodada do Campeonato Inglês:

Sábado, 05/nov
Newcastle x Everton
Arsenal x West Bromwich
Aston Villa x Norwich City
Blackburn x Chelsea
Liverpool x Swansea City
Manchester United x Sunderland
Queens Park Rangers x Manchester City

Domingo, 06/nov
Wolverhampton x Wigan
Bolton x Stoke City
Fulham x Tottenham