Fabinho teve uma lesão “pequena”, mas está fora do jogo do fim de semana e “provavelmente um pouco mais”

Virgil Van Dijk sofreu uma lesão seria no joelho que provavelmente comprometeu toda a sua temporada. Fabinho foi deslocado à defesa e vinha quebrando muito bem o galho até também precisar sair machucado do jogo do meio de semana contra o Midtjylland. Mas parece que não foi nada sério. Segundo Jürgen Klopp, a lesão do volante foi “pequena” e deve afastá-lo do próximo jogo do West Ham e “provavelmente um pouco mais”.

“Fabinho não jogará, isso é claro. Está fora do fim de semana e provavelmente um pouco mais. Todos os outros que estão em forma podem jogar, desde o começo, no banco ou entrando durante o jogo”, afirmou. Isso pode significar os retornos de Naby Keita e Thiago no meio campo. O treinador também afirmou que tirou Jordan Henderson no intervalo do jogo da Champions League por “responsabilidade”, e não por problemas físicos.

O Liverpool anunciou  que a cirurgia de Virgil Van Dijk para reparar os ligamentos do joelho foi bem sucedida, mas não deu prazo para o seu retorno aos gramados. Klopp, sem entrar em detalhes, disse que o zagueiro “se cura rápido”. “Não acho que é o momento de entrar em questões pessoais. Ele está tão bem quanto poderia estar e é isso. Ele pode lidar (com a situação). Virgil é um amigo, ele é nosso garoto, mas estamos acostumados com lesões. É só que foi desnecessário”, disse o treinador, que criticou a entrada de Pickford que causou a lesão.

“Quanto mais você gosta da pessoa, mais você sofre por ela. Lesões são a pior parte da vida do profissional. Parte do jogo. Estamos infelizmente acostumados com isso. Nós nos importamos com Virgil e vamos cuidar dele, mas nosso foco é nos jogadores disponíveis”, completou.

O calendário condensado por causa da pandemia fez com que Klopp – e todos os outros treinadores – tivesse uma preocupação ainda maior com a saúde física dos jogadores. No caso do alemão, ele está tratando todos os meses como se fossem dezembro, quando o futebol inglês costumar armar sua própria maratona.

“Se você olhar para o calendário, verá que um mês como outubro é um mês que nem costuma ser dezembro, e novembro é um mês como costuma ser dezembro. E, então, dezembro ainda é dezembro, então isso significa que temos a intensidade de um calendário dos mais agitados, o que temos todo ano em dezembro, mas já temos agora e é por isso que precisamos tomar essas decisões”, disse.

O Liverpool está em segundo lugar na Premier League, empatado em pontos com o Everton. O Aston Villa, em terceiro, pode passar ambos porque tem um jogo a menos.

.