Rio Ferdinand será investigado pela Football Association por conduta imprópria no twitter. O zagueiro do Manchester United criticou duramente a postura de Ashley Cole ao defender John Terry em caso de racismo contra seu irmão, Anton Ferdinand.

Ferdinand o chamou Cole de “choc ice”, tipo de sorvete de baunilha coberto por chocolate, alegando que o lateral é um negro com atitudes de branco. Questionado após a declaração, Ferdinand afirmou que não foi racista.

“A alegação é a de que Ferdinand agiu de forma imprópria e/ou deixou em descrédito a reputação do esporte ao fazer comentários que incluíram referência à origem étnica, cor ou raça”, declarou a FA, em nota oficial. O zagueiro tem até o dia 2 de agosto para responder o caso.

Além de Ferdinand, John Terry também está sendo indiciado pela Football Association, por conta das acusações de racismo feitas pelo jogador do Queens Park Rangers. Na última semana, o capitão do Chelsea foi inocentado por falta de provas pela promotoria de Londres.