Patrice Evra comentou a polêmica ausência de Rio Ferdinand da Euro 2012. Segundo o lateral, a exclusão de seu companheiro do Manchester United do elenco final da Inglaterra é um benefício para a França, adversária na estreia da competição continental.

“Estou realmente surpreso que Rio não esteja no time. Ele é grande, um jogador forte e não sei o que está acontecendo. Talvez Rio tenha todas as razões para estar decepcionado. O que eu penso é que a ausência dele é excelente para a França. Escreverei para ele nos próximos dias, para saber como está se sentindo”, disse.

Segundo a imprensa inglesa, Roy Hodgson ligou para Ferdinand na véspera da convocação final, avisando sobre a sua ausência. O treinador teria preferido manter John Terry no elenco, desafeto de Ferdinand após caso de racismo contra seu irmão, Anton, em partida entre Chelsea e Queens Park Rangers.

Quem também se manifestou sobre o caso foi o técnico da França, Laurent Blanc. O comandante dos Bleus também questionou a opção de Roy Hodgson: “Observando de longe, eu não acho que esta decisão foi baseada em critérios esportivos”.