Europa

Bernardo Silva, Paquetá e a transferência que pode mudar o futebol europeu

Paquetá volta ao radar do Manchester City, que pode perder Bernardo Silva na próxima janela

A janela de transferências do verão europeu ainda nem abriu, mas já existem muitos rumores e algumas histórias interessantes para se acompanhar. Há muito tempo, fala-se da possibilidade de Bernardo Silva deixar o Manchester City por sua suposta vontade de jogar no Barcelona. Isso não passou de especulações nos últimos anos, com o português ainda renovando seu vínculo no meio do ano passado até 2026. Agora, quem reascendeu novos boatos foi o atacante blaugrana João Félix, em entrevista à Rádio Catalunya.

– Se Bernardo Silva vier, vou pedir uma comissão [risos]. Tudo o que disse é verdade [em entrevista anterior] e se ele vier ficarão encantados com ele. Ele é muito cuidadoso com tudo e já me perguntou sobre onde morar, onde comer, inclusive questões relacionadas com a segurança… Ele perguntou-me um pouco sobre tudo na realidade e eu falei sobre questões tributárias porque foi isso que me veio à cabeça. Se o convenci na mudança? Acho que sim, penso que sim. Bem, mas agora não creio que dependa dele – afirmou o compatriota, que divide vestiário com o meia na seleção de Portugal.

No entanto, tem alguns fatores que podem atrapalhar esse negócio. Além da concorrência do super-rico Paris Saint-Germain, o Barcelona também luta contra o Fair Play Financeiro (FFP) de La Liga, no qual vive sempre na luta para se adequar por conta da crise financeira. Segundo o jornalista Fabrizio Romano, a multa rescisória de Bernardo Silva é de 50 milhões de euros, valor que provavelmente os Culés não poderiam arcar.

– O interesse do Barça sempre existiu, mas vamos ver o que acontece agora com o Fair Play Financeiro, que será crucial. Então, a cláusula está aí, Felix ficaria feliz em ter seu compatriota e amigo ao lado dele. Temos que ver o que o Barcelona vai decidir fazer, e o PSG também, mas com certeza parece algo a ser observado neste verão. – escreveu Romano, em sua coluna no site Caught Offside.

Até o futuro do próprio Félix passa pelo FFP do Campeonato Espanhol. O atacante está emprestado até o fim da temporada pelo Atlético de Madrid, que investiu 127 milhões de euros no português em 2019 e quer recuperar ao menos um pouco do que pagou há cinco anos. A ver como estão as contas do Barça, que busca negociar parte da TV oficial do clube para angariar fundos e poder investir no futebol.

Se Bernardo sai… um brasileiro chega no Manchester City

Uma possível saída do meia português do Etihad Stadium teria um efeito dominó que esquentaria ainda mais a chegada de Lucas Paquetá ao Manchester City. No último verão, o acordo só não aconteceu por uma investigação da Federação Inglesa de Futebol (FA) sobre um suposto envolvimento do brasileiro em apostas esportivas. À época, o clube optou por contratar Matheus Nunes, que ainda não engrenou. Agora, segundo o Foot Mercato, os Citizens estão dispostos a tentar de novo o atleta da Seleção Brasileira.

Fabrizio Romano explicou que o meia também se vê “mais do que interessado” em trocar o West Ham pelos azuis de Manchester, que ainda tem interesse, mas não discutem a transferência nesse momento.

Foto de Carlos Vinicius Amorim

Carlos Vinicius Amorim

Carlos Vinicius é nascido e criado em São Paulo e jornalista formado pela Universidade Paulista (UNIP). Escreveu sobre futebol nacional e internacional no Yahoo e na Premier League Brasil, além de eSports no The Clutch. Além disso, atuou como assessor de imprensa no setor público e privado.
Botão Voltar ao topo