O técnico Tite convocou uma seleção brasileira para os amistosos com Arábia Saudita e Argentina com algumas novidades. O meio-campista Wallace, ex-Grêmio, atualmente no Hannover, foi convocado. Aos 23 anos, o jogador deixou o Hamburgo na última temporada, após o rebaixamento, e foi para o Hannover. O zagueiro Pablo, ex-Corinthians, atualmente no Bordeaux, também foi novidade. Malcom, do Barcelona, também ganha uma chance.

LEIA TAMBÉM: [Exclusivo] Lahm admite constrangimento pelo 7 a 1: “Foi uma opressão”

Mais um goleiro sub-20 foi chamado, Felipe, do Grêmio, assim como já tinha acontecido com Hugo, do Flamengo, na convocação passada. Entre os nomes mais conhecidos, Filipe Luís foi deixado de fora, Marcelo voltou à lista. Danilo, do Manchester City, também volta à lista, depois de ficar de fora na primeira convocação. Thiago Silva fica fora, Miranda retorna. Quem também volta é Renato Augusto, que não tinha sido chamado na lista passada.

Tite foi questionado sobre o que a comissão técnica está fazendo para que haja uma mudança de calendário e que não haja mais jogos de campeonatos nacionais no Brasil em datas Fifa. “Ontem á tarde, eu, Rogério e Edu conversamos. Há uma mobilização da Fifa, Conmebol e dos clubes para que haja uma equalização melhor de datas. Eu tenho uma responsabilidade em não prejudicar clube. Responsabilidade com o jogador que fez por merecer. Com o técnico que pode assegurar o emprego, ter uma longevidade”, respondeu Tite, ainda de forma bastante genérica.

“Equalizar tudo isso é muito difícil. Sempre tento me colocar do outro lado. Do atleta, do técnico. É ter bom senso. Não para ser bonzinho com ninguém, mas para arcar com responsabilidades. Seguramente teria Dedé e Paquetá, coerentemente teria. Assim como atletas do Palmeiras e do Corinthians. Queremos harmonizar sem prejuízo à Seleção. O Walace, o momento dele é bom, porém, com um passado de Grêmio e seleção olímpica, isso credencia pelo conjunto da obra nesse momento importante”, continuou  o técnico do Brasil.

Os jogos serão contra Arábia Saudita, no dia 12 de outubro, e contra a Argentina, no dia 16.

Goleiros: Alisson (Liverpool-ING), Ederson (Manchester City-ING), Felipe (Grêmio);

Defensores: Alex Sandro (Juventus-ITA), Danilo (Manchester City-ING), Éder Militão (Porto-POR), Fabinho (Liverpool-ING), Marquinhos (PSG-FRA), Marcelo (Real Madrid-ESP), Miranda (Internazionale-ITA), Pablo (Bordeaux-FRA);

Meio-campistas: Arthur (Barcelona-ESP), Casemiro (Real Madrid-ESP), Fred (Manchester United-ING), Philippe Coutinho (Barcelona-ESP), Renato Augusto (Baijing Gouan-CHN), Wallace (Hannover-ALE)

Atacantes: Everton (Grêmio), Roberto Firmino (Liverpool-ING), Gabriel Jesus (Manchester City-ING), Malcom (Barcelona-ESP), Neymar (PSG-FRA), Richarlison (Everton-ING).


Os comentários estão desativados.