A EA Sports divulgou nesta terça-feira (4) o primeiro trailer de jogabilidade de Fifa 21, trazendo com ele uma enxurrada de novidades de gameplay que prometem um jogo com inteligência artificial melhorada e maior controle do usuário sobre suas ações dentro de campo.

Abaixo, mostramos o vídeo e falamos, em detalhes, sobre cada uma das adições e mudanças em relação à versão anterior do game. Alguns dos pontos que tocaremos podem ser vistos com maior clareza no vídeo, enquanto para outros só temos mesmo a descrição da empresa.

Maior controle

Drible Ágil

Embora o Fifa 20 já conte com opções de manter a bola próxima ao pé para dar maior controle e tornar sua próxima jogada imprevisível, Fifa 21 tem um novo recurso chamado “Drible Ágil”. Nele, você segura R1/RB e, com o direcional esquerdo, movimenta rapidamente o jogador, que executa então dribles curtos como você pode ver na imagem abaixo. Pelo que notamos, este recurso tem o potencial de ser abusado no jogo, mas é esperar para ver.

Corridas Criativas

Há anos a EA Sports tem sido acusada de estar nivelando demais o jogo entre usuários novatos e os mais experientes. O tal do “skill gap” (“diferença de qualidade” ou “espectro de qualidade” em uma tradução livre) ganha atenção em Fifa 21, e as novas Corridas Criativas são uma das maneiras de recompensar mais os melhores usuários. Desde o Fifa 17, você pode pressionar o L1/LB em direção a um companheiro para pedir que ele faça uma corrida ao ataque, mas essa movimentação sempre acontece em linha reta. Agora, em Fifa 21, você poderá pressionar o L1/LB e, com o direcional direito, escolher a direção da corrida do seu companheiro. Isso dá um controle significativamente maior nas jogadas de ataque e abre todo um novo leque de possibilidades no terço final, seja para encontrar você mesmo o melhor espaço ou para atrair a marcação do oponente e bagunçar sua organização defensiva.

Travar em um jogador

Pressionando ambos os direcionais ao mesmo tempo (L3/LSB+R3/RSB), você passa a controlar apenas o jogador com a bola, podendo passá-la para um companheiro e fazer você mesmo a corrida para onde quiser para então pedir a devolução e dar sequência à jogada ou finalizá-la.

Fundamentos do Futebol

Como resposta à facilidade com que se marcava gols de cabeça nas versões anteriores, a EA Sports acabou tornando quase impossível fazê-lo em Fifa 20. Agora, ouvindo feedback da comunidade, eles repaginaram as cabeçadas, tudo em torno de um ponto principal: controle manual.

Basicamente, o usuário poderá desativar a assistência da inteligência artificial em cabeçadas, e a força e a direção das jogadas de cabeça serão de acordo com o que for comandado pelo usuário. Para garantir uniformidade, a cabeçada manual será obrigatória nos seguintes modos de jogo: todos os modos do Ultimate Team, todos os modos do Pro Clubs e nos modos Temporadas, Temporadas Co-Op e Amistosos Online.

Além das cabeçadas, dentro do campo “Fudamentos do Futebol” a empresa destaca a melhoria na inteligência artificial de coisas como desarmes, carrinhos, divididas, passes e cruzamentos.

Nesses últimos pontos, duas coisas são ressaltadas pela EA Sports: novas animações (por animações, entenda-se o movimento de um jogador) foram acrescentadas para você influenciar a trajetória da bola nos últimos instantes antes de tocá-la; e os tipos de cruzamentos foram repaginados, com, por exemplo, a combinação R1/RB + L1/LB + ⬜/X providenciando um cruzamento rápido como os de Alexander-Arnold, do Liverpool, na vida real.

Novos dribles

Dois dos principais novos dribles adicionados ao Fifa 21 são o drible da vaca e a caneta. Antes, os dois aconteciam apenas por acidente de percurso, por uma combinação de animações que, involuntariamente, geravam jogadas que poderiam ser interpretadas assim. Agora, ambos estão no repertório de fato do jogo. Para executar o drible da vaca, você pressiona R1/RB duas vezes, direcionando para a frente do seu jogador. Já a caneta pode ser feita em qualquer direção, usando L1/LB + R1/RB + direcional direito.

Interromper animações

Este é um dos pontos que provavelmente irão passar batidos por muita gente, mas que são muito importantes para a disputa. De forma a dar mais controle sobre as ações ao usuário, Fifa 21 terá uma série de diferentes maneiras de cancelar ações e animações.

Interrupção total

Pressionando L2/LT + R2/RT + L1/LB + R1/RB, você pode cancelar qualquer ação, exceto dribles. Isso quer dizer que, se você pressionou para fazer um cruzamento, um passe, iniciar uma corrida ou qualquer outra coisa que não um drible, a combinação de botões cancela imediatamente a ação e deixa seu jogador “livre” para receber novos comandos.

Interrupção de passes e chutes

Pressionando L2/LT + R2/RT, você cancela qualquer comando de passe ou finalização e, em vez disso, segue com a bola, podendo driblar.

Interrupção de dribles

Pressionando L2/LT + R2/RT, você cancela alguns dribles específicos no meio da animação, sem ter que esperar a ação completa, como acontece atualmente.

Melhoria na detecção de dribles (no controle)

Mais uma vez ouvindo feedback da comunidade, sobretudo aqueles mais prolíficos em dribles, a EA Sports garante ter consertado problemas de detecção de comandos de dribles com o direcional direito que os usuários vinham enfrentando em Fifa 20 e em versões anteriores.

Inteligência artificial

Personalidade de Posicionamento

Um dos pontos de maior reclamação em Fifa 20 era como os jogadores controlados pela inteligência artificial ficavam basicamente parados no campo. A EA anuncia agora uma série de melhorias a isso, com uma repaginação na IA de posicionamento que, em teoria, pode transformar bastante a experiência.

A Personalidade de Posicionamento basicamente se divide em duas partes principais: posicionamento ofensivo e defensivo. No ofensivo, jogadores com o atributo de posicionamento alto serão capazes de tomar decisões mais inteligentes em campo. Atacantes como Sergio Agüero controlarão suas corridas para evitar o impedimento e escolherão os melhores espaços para receber um passe, e meias como De Bruyne buscarão o entrelinhas para receber a bola e dar a assistência final. No posicionamento defensivo, volantes como Fabinho farão leituras mais inteligentes para cortar passes, e zagueiros como Van Dijk acompanharão melhor as corridas dos atacantes adversários, além de saber melhor a hora de se atirar à bola para evitar um gol.

Encontrões Mais Suaves

Qualquer um que tenha jogado Fifa por mais de um par de horas sabe que os encontrões, sobretudos com mais de dois jogadores envolvidos, tendem a ter resultados desproporcionais, com adversários se trombando e caindo uns sobre os outros. A EA Sports diz ter resolvido isso e mostra no vídeo abaixo a diferença. Parece promissor, mas é mais um daqueles pontos que precisarão ser testados repetidamente antes que possamos ter alguma certeza.

Melhorias para a sua saúde mental

Jogar online é mais do que um desafio técnico, é também uma disputa mental. Sabendo disso, a parte tóxica da comunidade abusa de mecanismos do jogo para tentar desestabilizar o adversário a qualquer custo. De olho nisso, a EA Sports promoveu algumas mudanças que devem ajudar a mitigar o problema.

Remoção de comemorações consideradas tóxicas

A primeira delas é a remoção de comemorações consideradas tóxicas, como por exemplo o “shiu”, um clássico do modo Ultimate Team.

Pressão alta dinâmica

Outra novidade é a possibilidade de usar a tática de pressão alta de forma momentânea, com um timer, para encurralar mais facilmente e em situações específicas aqueles adversários que fazem 1 a 0 aos 30 do primeiro tempo e ficam tocando a bola na defesa até o jogo acabar.

Redução de duração das cenas

O que é também um clássico do repertório do jogador tóxico é deixar todas as cenas e replays entre a gameplay rodarem até seu fim. De olho em amenizar o problema, a EA Sports reduziu o tempo em que você fica livre para fazer comemorações logo após um gol e também a duração de diversas cenas de bola parada, como a preparação para uma cobrança de falta, escanteio ou tiro de meta.

Em Fifa 20, todas as situações abaixo tinham duração máxima programada em 30 segundos. Agora, ficam assim:

  • Início de jogo – 10 segundos
  • Lateral – 12 segundos
  • Tiro de meta – 15 segundos
  • Escanteio – 15 segundos
  • Cobrança de pênalti – 15 segundos
  • Cobrança de falta – 20 segundos

Outros recursos

Modo Competidor

A cada ano, o Fifa fica mais competitivo, e jogadores buscam diversas formas de aprimorar seu futebol virtual para conseguir classificações mais altas nos torneios online. A EA Sports, pensando nisso, acrescentou um novo “Modo Competidor”, que nada mais é que uma opção extra para os níveis de dificuldade “Lendário” e “Ultimate” que torna a CPU mais semelhante a um Pro Player de Fifa.

Segundo a empresa, neste modo, a IA tentará emular o estilo de jogo de diversos jogadores profissionais de Fifa, com passes, dribles, defesa e finalizações aprimoradas, oferecendo um desafio maior. Esta novidade poderá ser ativada no Modo Carreira e nos Squad Battles do Ultimate Team.

Rebobinar

Por fim, o recurso “Rebobinar” é bastante autoexplicativo. Com ele, você pode retroceder no jogo em até 30 segundos, ganhando uma nova chance de finalizar uma jogada ou fazer uma intervenção providencial para evitar um gol. Esta função parece também servir o propósito de aprimorar o seu jogo, dominando as melhores ações em diferentes cenários. Ela, no entanto, vem com seus poréns.

Só será possível utilizar o recurso no modo de jogo de Amistoso offline. Você não pode utilizá-lo após o apito final ou de fim de primeiro tempo. O recurso também não estará disponível logo após situações como lesões, substituições, pênaltis e faltas que resultam em cartões.