Estados UnidosMLS

[Vídeo] Zagueiro faz uma defesa sem usar as mãos e salva time de levar gol certo

Quando o goleiro está batido e o jogador adversário tem a bola, a grande tentação para o zagueiro que está próximo da linha do gol é meter a mão na bola e cometer o pênalti. O problema disso é que significa também a expulsão. Luis Suárez fez isso nas quartas de final da Copa do Mundo de 2010, mas ali era uma situação especial: eram acréscimos da prorrogação e um gol eliminaria o time. O risco valeu a pena. Asamoah Gyan cobrou para fora e o Uruguai venceu nos pênaltis. O lance que aconteceu na MLS no sábado não teve esse tom de dramaticidade, mas teve algo mais interessante: uma defesa do zagueiro sem precisar usar as mãos e impedindo o gol adversário.

LEIA TAMBÉM: Como Lalas e os heróis de 94 fizeram o futebol sair do nada para se tornar orgulho nacional

O autor da façanha chama-se Aaron Maund e é defensor do Real Salt Lake, da MLS. O time é o único invicto até aqui na temporada 2016. Neste sábado, o jogo era de muita rivalidade, mas mesmo assim, o Real Salt Lake conseguiu sair com uma vitória sofrida, por 1 a 0, o que aumenta a sua invencibilidade e coloca mais um jogo sem sofrer gols na campanha. Algo que tem muito a ver com Asaron Maund. O lance, aos 42 minutos do primeiro tempo, impediu o gol do Colorado.

No segundo tempo, em um vacilo incrível da defesa do Colorado, o zagueiro tocou por cima do goleiro e facilitou a vida de João Plata, que tocou com o gol vazio para marcar o único gol do jogo no estádio Rio Tinto. A vitória leva o Real Salt Lake a 11 pontos, com três vitórias e dois empates.

Conteúdos relacionados

Veja o lance de Aaron Maund, que acabou sendo decisivo para o resultado. Em seguida, o vídeo com os melhores momentos da partida.

Mostrar mais

Felipe Lobo

Formado em Comunicação e Multimeios na PUC-SP e Jornalismo pela USP, encontrou no jornalismo a melhor forma de unir duas paixões: futebol e escrever. Acha que é um grande técnico no Football Manager e se apaixonou por futebol italiano (Forza Inter!) desde as transmissões da Band. Saiu da posição de leitor para trabalhar na Trivela em 2009.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo