Espanha

Mallorca se defende de acusações de insultos racistas

O Mallorca se defendeu das acusações de que sua torcida teria feito ofensas racistas durante o jogo contra o Barcelona, neste sábado, pela Liga Espanhola. O clube alega que o juiz da partida se confundiu.

O árbitro Ramírez Dominguez relatou na súmula que uma parte da torcida do Mallorca teria insultado o meia Yaya Touré. Segundo o juiz, os torcedores teriam gritado ‘negro, negro, negro’ quando o jogador foi substituído, pouco depois de o marfinense receber um cartão amarelo por uma entrada dura em Jonás Gutiérrez.

No entanto, o Mallorca afirma que tudo não passou de um mal-entendido. De acordo com o clube, a torcida cantava ‘Trejo, Trejo, Trejo’ em alusão a Óscar Trejo, que se preparava para entrar em campo.

Mostrar mais

Equipe Trivela

A equipe da redação da Trivela, site especializado em futebol que desde 1998 traz informação e análise. Fale com a equipe ou mande sua sugestão de pauta: [email protected]

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo