EspanhaLa Liga

Gol de Griezmann foi balde de água fria sobre o Real Madrid no Bernabéu

O dérbi de Madri acabou sendo muito menos interessante do que se esperava. O empate por 1 a 1 veio no final, com um gol de Antoine Griezmann que jogou um balde de água fria no Real Madrid. Mesmo jogando no estádio Santiago Bernabéu, o time de Zinedine Zidane não teve uma grande atuação e mesmo as suas maiores estrelas, o trio de ataque BBC, Benzema, Cristiano Ronaldo e Bale, ficaram abaixo do esperado.

LEIA TAMBÉM: O clima no Dérbi de Madri em dois jogos que valeram taça: ao Real, em 63, e ao Atleti, em 77

Como era esperado, o Atlético de Madrid deu ao Real Madrid a posse de bola, mas não deu espaços. O time, como é tradicional, se defendeu com um ótimo posicionamento. Assim, foram poucas as chances – e, no primeiro tempo, não aproveitadas. Aos 30 minutos, um lance incrível, a melhor chance do Real Madrid. Uma ótima jogada que Modric deixou Ronaldo em uma ótima posição. O atacante português dominou e chutou bem, a bola passou por Oblak e iria para o gol, mas o zagueiro Savic, em cima da linha, tirou de cabeça.

O time de Zinedine Zidane se especializou em marcar gols em bolas paradas. Foi assim que conseguiu abrir o placar aos sete minutos do segundo tempo. A essa altura, o time madridista já tinha ameaçado o gol de Oblak duas vezes com perigo – uma delas com uma defesa excelente do goleiro do Atlético de Madrid.

Em cobrança de falta de Kroos, o zagueiro Pepe subiu bem de cabeça e tocou no canto, tirando do alcance de Oblak e abrindo o placar. Comemoração do lado merengue, já que os Colchoneros também são muito fortes neste tipo de jogada.

Mesmo após o gol que abriu o placar, o jogo não mudou. Continuava com o Real Madrid com mais posse de bola e o Atlético de Madrid tentando atacar os espaços deixados pelo rival, assim que recuperava a bola. Assim, o Real Madrid teve até outras chances de marcar, mas sempre parou na boa atuação de Oblak embaixo das traves.

Foi só no final do jogo, aos 40, que veio a jogada trabalhada que impediu a vitória do Real Madrid. O Atlético tocava a bola no meio de campo, tentando encontrar algum espaço. E foi se movimentando que a jogada aconteceu. Torres saiu da área e achou, em um passe de primeira, o argentino Ángel Correa, que entrou no segundo tempo. Ele fez um passe preciso para Griezmann sair cara a cara com o goleiro Keylor Navas e marcar.

Um gol que impede a quebra de uma marca incômoda para os merengues. Nos últimos quatro confrontos entre os dois times no estádio Santiago Bernabéu, em jogos válidos por La Liga, três vitórias do Atlético e um empate – o deste sábado.

A marca negativa, porém, é só um detalhe. O mais importante para o Real Madrid é que a diferença pode diminuir para o segundo colocado, Barcelona. Se os catalães vencem o seu jogo, a diferença que era de cinco cai para três pontos. Os dois times se enfrentam no dia 24 de abril, justamente no estádio Santiago Bernabéu, em um jogo que tem tudo para ser crucial na disputa pelo título.

O Atlético, por sua vez, sabe que a sua disputa é por uma vaga direta na Champions League. O bom desempenho nas últimas semanas levou o time a deixar o Sevilla para trás e assumir a terceira posição. São 62 pontos, o que faz com que o time não perca essa posição na rodada.


r; por ReplayFootCom

Mostrar mais

Felipe Lobo

Formado em Comunicação e Multimeios na PUC-SP e Jornalismo pela USP, encontrou no jornalismo a melhor forma de unir duas paixões: futebol e escrever. Acha que é um grande técnico no Football Manager e se apaixonou por futebol italiano (Forza Inter!) desde as transmissões da Band. Saiu da posição de leitor para trabalhar na Trivela em 2009.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo