As sete partidas desta sexta-feira, válidas pela Liga das Nações, viram apenas três gols na primeira hora de disputa. As redes eventualmente começaram a balançar, embora o jogo mais esperado, entre Croácia e Inglaterra, reedição da semifinal da Copa do Mundo, tenha terminado com o placar zerado. Por outro lado, Romelu Lukaku decidiu a favor da Bélgica, na vitória por 2 a 1 sobre a Suíça.

O primeiro gol da terceira colocada do Mundial da Rússia surgiu aos 13 minutos do segundo tempo, quando Meunier, quase caindo, deu o passe para Lukaku bater de primeira. Mario Gavranovic aproveitou a ajeitada de Michael Lang para empatar. A seis minutos do fim, Lukaku tabelou com Mertens e decretou a vitória belga, que lidera o seu grupo da Liga das Nações com seis pontos em duas rodadas. A Suíça tem três, e a Islândia, zero.

.

 

Marko Arnautovic entrou na área carregando a bola e tocou na saída do goleiro para fazer o único gol da vitória da Áustria sobre a Irlanda do Norte. Konstantinos Mitroglou cabeceou com força para decretar o triunfo da Grécia sobre a Hungria, também pelo placar mínimo. Nos acréscimos do segundo tempo, Teemu Pukki arrancou os três pontos para a Finlândia, contra a Estônia.

Nos duelos entre as seleções dos grupos mais fracos da Liga das Nações, Belarus fez 1 a 0 em Luxemburgo, e a Moldávia goleou San Marino. Por 2 a 0.


Os comentários estão desativados.