O clima no Sporting segue pesado. Um grupo de 20 torcedores invadiu a sede do clube para protestar contras os maus resultados da equipe. A polícia precisou intervir para retirar os manifestantes.

Em reunião realizada hoje à tarde com Dias da Cunha, presidente do clube, José Peseiro colocou seu cargo à disposição. O dirigente não quis dizer qual será sua decisão. “Falo quando entender. Não quero dizer nada”. Na terça à tarde haverá novo encontrar para decidir o que será feito.