Em certo momento, o Campeonato Brasileiro parecia ser uma briga entre São Paulo e Internacional. Quando eles estavam empatados com 49 pontos, a distância para o quinto colocado era de oito pontos. Duas rodadas depois é de apenas quatro, após os empates de ambos no fim de semana, e cinco times podem e devem sonhar com o caneco. 

E nada de muito espetacular aconteceu desde então. O São Paulo ficou no empate com o Santos, em um clássico, e tropeçou de fato, no último sábado, ao empatar com o América Mineiro no Morumbi. O Internacional perdeu da Chapecoense, fora de casa, e chegou a abrir o placar contra o Corinthians, em Itaquera, mas levou o empate e somou apenas um ponto. 

O Palmeiras perdeu a chance de encostar na ponta, na rodada passada, ao empatar com o Bahia. E parecia que mais uma iria pelo ralo contra o Sport. Foi um jogo feio, de poucos acontecimentos, principalmente no primeiro tempo. Depois do intervalo, Guerra e Deyverson perderam situações claras. O gol saiu em um escanteio: Gustavo Gómez cabeceou, Magrão cortou, e Willian conferiu. O gol foi dado para o atacante, embora não esteja claro qual das finalizações entrou primeiro. 

O Sport pressionou bastante no fim, sem conseguir empatar. O nível de jogo do time de Felipão não foi nem perto do ideal, mas o fato é que o time secundário do Palmeiras, sob o comando do técnico, ainda não perdeu em dez rodadas, com sete vitórias, e já aparece, pelo saldo de gols, na segunda posição. Está a um ponto do líder São Paulo, com o Choque-Rei daqui a duas rodadas. 

O Flamengo empatou o clássico contra o Vasco e ganhou do Atlético Mineiro, neste domingo. Abriu o placar com Willian Arão, e Leonardo Silva, de cabeça, empatou. No começo do segundo tempo, Trauco colocou a bola na cabeça de Lucas Paquetá, que testou no canto para fazer 2 a 1. 

O Grêmio foi o único que ganhou as duas rodadas. Bateu o Paraná, por 2 a 0, e mostrou muita força, no jogo da manhã deste domingo, contra o Ceará. Chegou a ficar duas vezes atrás do placar, mas, aos 24 minutos do segundo tempo, Luan cobrou falta no canto de Éverson e assegurou os três pontos. 

Faltam 12 rodadas do Campeonato Brasileiro, e, por enquanto, não dá para reclamar da falta de emoção.

Os próximos cinco jogos dessas equipes:

São Paulo – 51 pontos

Botafogo (F)
Palmeiras (C)
Internacional (F)
Atlético-PR (C)
Vitória (F)

Palmeiras – 50 pontos (+21)

Cruzeiro (C)
São Paulo (F)
Grêmio (C)
Ceará (C)
Flamengo (F)

Internacional – 50 pontos (+17)

Vitória (C)
Sport (F)
São Paulo (C)
Santos (C)
Vasco (F)

Flamengo – 48 pontos

Bahia (F)
Corinthians (F)
Fluminense (C)
Paraná (F)
Palmeiras (C)

Grêmio – 47 pontos

Fluminense (F)
Bahia (C)
Palmeiras (F)
América-MG (F)
Sport (C)