José Mourinho não esconde seu carinho por Stamford Bridge. A volta do português ao estádio como comandante do Chelsea foi emocionante, com direito a diversas homenagens e um pouco de lágrimas. Não à toa, o treinador nunca perdeu um jogo de Premier League lá. E essa simbiose com a casa dos Blues foi demonstrada neste domingo, no gol da vitória sobre o Manchester City.

Mourinho foi à loucura quando Fernando Torres garantiu o triunfo por 2 a 1, nos acréscimos. Aproveitou a falta de divisão entre o campo e as arquibancadas e foi para o meio da torcida, abraçar e ser abraçado. Não poderia haver uma representação melhor de como o treinador se sente à vontade no estádio onde é tratado como um rei.