Foi uma disputa acirrada. Não paramos de receber telefones na redação de jogadores, ansiosos pelo resultado. Tivemos até que tirar o pessoal d’A Várzea do quartinho imundo da sala deles para ajudar a contar os votos. Foram centenas de pessoas querendo dar a sua contribuição para que seu time levasse o último título do futebol brasileiro em disputa em 2011.

Dois nomes se destacaram durante toda a disputa, trocando de liderança algumas vezes durante o período que a votação esteve aberta. Muitos votos chegaram para jogadores que sequer estavam na lista, mostrando que nosso Brasileiraço-aço-aço foi mesmo de arrepiar, com os jogadores fazendo muito esforço para receberem o prêmio de maior prestígio no futebol brasileiro.

O terceiro colocado do Tolete d’Oro 2011, com 8% dos votos foi… Valdívia! Meus parabéns ao chileno do Palmeiras, um dos grandes ídolos do alviverde. Aliás, o time do Parque Antártica teve mais um finalista. Em segundo lugar, com 20% dos votos, aquele que foi um dos grandes personagens do ano de 2011: Kléber! Palmas para ele, que agora tentará ser o vencedor do prêmio na edição 2012, com as cores do imortal tricolor, o Grêmio.

O grande vencedor é um jogador conhecido do tradicional prêmio Tolete d’Oro. Atacante, 23 anos, foi artilheiro do Campeonato Brasileiro de 2008. Temos um bicampeão, senhoras e senhores. Com 23% dos votos, o grande vencedor do Tolete d’Oro 2011 é Keirrison, ex-CENE, Coritiba, Palmeiras, Barcelona, Benfica, Fiorentina, Santos e Cruzeiro! Meus parabéns ao grande campeão!

Aos que não venceram nesta edição, não se preocupem: em 2012 estamos de volta. Não desistam!

Votação final Tolete d'Oro 2011:

1º Keirrison (Cruzeiro) – 23%
2º Kléber (Palmeiras) – 20%
3º Valdívia (Palmeiras) – 8%
4º Carlos Alberto (Bahia) – 7%
5º Guilherme (Atlético-MG) – 6%
6º Morro García (Atlético-PR) – 6%
7º Mancini (Atlético-MG) – 4%
8º Juan (São Paulo) – 4%
9º Renan (Corinthians) – 3%
10º Bobô (Cruzeiro) – 2%