Balazs Dzsudzsák ficará seis semanas longe dos gramados. O meio-campista do Anzhi passou por uma cirurgia no domingo, na Hungria, depois de ter fraturado a clavícula durante o jogo contra o Rostov, pelo Campeonato Russo.

“Foi muita falta de sorte ter me contundido, mas felizmente não foi na minha perna e os médicos afirmaram que a cirurgia foi bem sucedida”, disse Dzsudzsák ao site oficial da federação húngara de futebol.

Dzsudzsak se transferiu para a Anzhi nesta temporada. Antes, ele defendeu o PSV de 2008 a 2011 e o Debreceni.