A Juventus contou com uma atuação absolutamente decisiva de Paulo Dybala para conseguir a vitória diante do Lokomotiv Moscou, da Rússia, na Champions League. A partida foi bem mais difícil do que se imaginava. Os russos criaram problemas para o time do técnico Maurizio Sarri. Saíram vencendo com um gol no primeiro tempo e seguraram bem o jogo até a parte final, quando Paulo Dybala tirou dois gols da cartola para virar e dar uma vitória importante à Velha Senhora.

O controle do jogo foi sempre da Juventus. Com a posse de bola, o time tentava chegar ao ataque e finalizou muito. Foram 12 chutes a gol no primeiro tempo e só dois chutes no alvo. Mesmo número de chutes certos do Lokomotiv Moscou, que só chutou duas vezes no total na primeira etapa. Um deles foi certeiro. Aos 30 minutos, em um contra-ataque rápido, João Mário recebeu de Aleksey Miranchuk, chutou forte, o goleiro defendeu e no rebote Miranchuk marcou: 1 a 0.

No segundo tempo, o técnico Maurizio Sarri mudou o time. Trocou Sami Khedira por Gonzalo Higuaín, ainda nos primeiros minutos da etapa final. Assim, o tão falado ataque com Cristiano Ronaldo, Dybala e Higuaín ficou em campo. Só que o jogo continuou difícil. As coisas só começaram a desenrolar aos 32 minutos. Foi quando Juan Cuadrado, na lateral direita, tocou para Paulo Dybala. O camisa 10 puxou para o pé esquerdo e, de fora da área, acertou um chute lindo, no ângulo, e marcou um golaço: 1 a 1.

O empate significava que a Juventus teria mais alguns minutos para tentar a virada. Só que nem foi preciso esperar. Tudo aconteceu muito rápido. Aos 34 minutos, Alex Sandro soltou uma bomba de fora da área, o goleiro Guilherme defendeu, mas no rebote Dybala tocou no canto para marcar 2 a 1, virar o jogo e fazer o estádio pegar fogo.

Cristiano Ronaldo tentou fazer o seu no fina, mas não conseguiu. De qualquer forma, ele teve uma boa participação no jogo e a Juventus, enfim, consegue um resultado importante. A vitória mantém a Juventus como primeira na tabela do Grupo D, empatada com o Atlético de Madrid. O Lokomotiv, com três pontos, fica mais distante, enquanto o Bayer Leverkusen está em uma situação complicadíssima, sem nenhum ponto.

Standings provided by Sofascore LiveScore