O sarrafo estabelecido pelo próprio RB Leipzig na temporada passada é bastante alto, com uma campanha semifinalista na Champions League e o terceiro lugar na Bundesliga depois de liderar a competição por algum tempo. Esperar a repetição de desempenho pode ser demais, mas o início dos Touros Vermelhos dificilmente poderia ter sido melhor. Na estreia deste domingo (20), vitória tranquila sobre o Mainz por 3 a 1.

Na última vez que se encontraram, as duas equipes fizeram um duelo cheio de gols, todos eles para o Leipzig. Com um hat-trick de Timo Werner, o time de Julian Nagelsmann goleou por 5 a 0, em maio de 2020. Mesmo sem os gols de seu artilheiro, vendido ao Chelsea, a equipe mais uma vez bateu com facilidade os adversários.

O triunfo foi encaminhado antes mesmo da segunda metade do primeiro tempo. Aos 17 minutos, Emil Forsberg converteu pênalti sofrido por Dani Olmo e fez 1 a 0. Quatro minutos depois, o espanhol deu assistência para o gol de cabeça de Yussuf Poulsen, encobrindo o goleiro Robin Zentner.

O primeiro tempo foi de domínio completo do Leipzig, que teve 76% de posse de bola e 12 finalizações, contra apenas quatro do Mainz. Ainda assim, os visitantes é que marcaram primeiro na segunda etapa. Aos três do segundo tempo, Robin Quaison fez boa jogada pela esquerda, arrancando com a bola do meio do campo e entrando até uma área mais central. Com excelente visão, encontrou Jean-Philippe Mateta com excelente passe em profundidade. Livre, o centroavante ajeitou o corpo e bateu na saída de Gulácsi para diminuir e dar esperança aos visitantes.

A expectativa, no entanto, teve vida curta. Apenas três minutos depois, o Leipzig trocou passes com a qualidade que lhe é característica, rodando pacientemente até chegar dentro da área, e Forsberg passou para Amadou Haidara fazer 3 a 1.

Os Touros Vermelhos então trataram de segurar o resultado, mantendo ainda certo volume de jogo na busca pelo quarto gol. Ele não veio, e o Mainz, por sua vez, chegou a ameaçar com Mateta, que aos 32 minutos apareceu sozinho na primeira trave para completar cruzamento de Brosinski, mas cabeceou por cima do gol.

Ainda que em menor medida, o segundo tempo também foi de dominância ao Leipzig, que teve 11 finalizações, seis delas a gol, contra apenas cinco ao todo do Mainz. Na posse de bola, 68% de controle aos donos da casa, que totalizaram 72% ao longo da partida.

Com o resultado garantido, Nagelsmann aproveitou para rodar a equipe, com quatro alterações ao todo. Aos 24 minutos, Hee-Chan Hwang, que estreou oficialmente pelo clube com um gol e uma assistência na vitória por 3 a 0 sobre o Nuremberg na Pokal na semana passada, entrou no lugar de Olmo, mas desta vez não conseguiu balançar a rede.

Se por um lado o Bayern de Munique, ao golear o Schalke 04 por 8 a 0 na abertura da competição, deixou claro que sonhar em alcançá-lo na Bundesliga é um sonho distante a qualquer um dos times do campeonato, por outro o RB Leipzig ainda tem o que aspirar no torneio, se consolidando como uma das equipes de um segundo pelotão composto também por Borussia Dortmund. Com o nível apresentado neste domingo, reforça que pertence, sim, a este patamar.

Classements proposés par SofaScore LiveScore