É Copa do Mundo, amigo! Uma frase que representa muito do que significa a Copa. É uma explicação tautológica: a Copa é a Copa, ué. E falou de Copa, falou do maior campeão deste torneio: o Brasil. O país mundialmente conhecido pelo seu futebol. Ou ao menos é o que diz o estereótipo. Paulo Henrique Gomes fez o seu Trabalho de Conclusão de Curso, o temido TCC, sobre um tema muito interessante. “O Brasil e a Copa do Mundo: a arrogância futebolística”, em formato de documentário já disponível no Youtube.

LEIA TAMBÉM: Disputa entre Catar e Arábia Saudita está por trás de tentativa da Fifa de expandir Copa já em 2022

 

O título já é instigante, certo? E os entrevistados são excelentes, um time que facilmente poderia ser uma seleção brasileira de jornalistas esportivos: Bruno Formiga, Vitor Sérgio Rodrigues, Tim Vickery, Leonardo Bertozzi, Bruno Vicari, Mauro Cézar Pereira, Mário Marra e Felipe Rolim. Muitos craques falando sobre um tema instigante é motivo suficiente para despertar muita curiosidade.

O documentário tem 22 minutos e muitas boas análises sobre o que se vê no futebol brasileiro em época de Copa. O brasileiro é arrogante quando se trata de Copa do Mundo? A história de falar de amarelinha, somos pentacampeões, eles têm que aprender com a gente, o quanto isso se baseia em futebol jogado e o quanto isso é um estereótipo construído a partir de uma ideia reforçada a cada Copa do Mundo? Há muitas questões que valem a pena serem discutidas. E certamente vale a pena ouvir o que esses craques do jornalismo têm a dizer.

Assista ao documentário abaixo e comente. Você acha que há uma arrogância brasileira em Copas do Mundo? Nos conte o que você acha.

FICHA TÉCNICA

Direção: Paulo Henrique Gomes
Imagem: Karolina Pedroni
Edição: Karolina Pedroni, Marcella Rocha e Gleison Nascimento
Roteiro: Paulo Henrique Gomes
Orientação: Carlos Alberto Tourinho