Uma das críticas mais freqüentes a Jürgen Klinsmann está no fato de o treinador morar nos Estados Unidos. Porém, este problema seria de fácil solução, pelo menos na opinião de Theo Zwanziger. O chefe executivo da federação alemã garante que irá convencer o técnico a se mudar para a Alemanha.

“Estou certo de que podemos convencê-lo de que as pessoas querem tê-lo por aqui”, disse o dirigente após um encontro da entidade realizado em Munique. Zwanziger também saiu em defesa do treinador e afirmou gostar do estilo dele. “Klinsmann não tem uma personalidade fácil. Porém, personalidades fáceis não ganham a Copa do Mundo. Precisamos de pessoas que sigam seu próprio caminho e não mudem de opinião todo o tempo”, disse.