O preço dos ingressos aos torcedores visitantes costuma ser um tema de debate comum na Liga dos Campeões. Nem sempre os clubes entram em acordo sobre o valor e os viajantes é que pagam a conta, gastando alto para assistir aos jogos, em posições nem sempre privilegiadas. O Barcelona, por exemplo, botou um preço excessivo nos bilhetes das próximas semifinais: os ingleses que desejaram apoiar o Liverpool no Camp Nou terão que desembolsar €119. Pois os Reds encontraram uma solução para aliviar o bolso de seus seguidores. Cobrarão o mesmo dos espanhóis, mas para direcionar o lucro a mais como subsídio à sua própria torcida.

Os visitantes em Anfield gastariam normalmente €88 por seus ingressos. Não é um valor baixo. O Liverpool, todavia, desta vez exigirá igualmente o pagamento de €119 aos torcedores do Barcelona. Ainda vai ficar com €88, mas os €31 em excesso acabarão destinados aos seus seguidores que desejarem estar presentes no Camp Nou. Na compra das entradas através do clube, eles ganharão um subsídio já importante para auxiliar na viagem até a Catalunha. Um ato de respeito, dentro do valor que os ingleses acreditam ser o justo.

Em nota oficial, o Liverpool confirmou sua postura: “O clube acredita que a paridade dos preços é a medida mais lógica e continua empenhado a trabalhar com Uefa, ECA e outras entidades para introduzir um processo mais estruturado na atribuição do preço dos ingressos na Liga dos Campeões”. Ao todo, 4,6 mil bilhetes receberão este aporte oficial.

A atitude do Liverpool não é inédita. O Manchester United fez algo similar durante os confrontos com o Barcelona nas quartas de final. Os catalães cobraram os mesmos valores exorbitantes aos ingleses e os Red Devils, em resposta, também praticaram o mesmo preço para subsidiar sua torcida. Depois, o Barcelona acabaria reduzindo a taxa da viagem oficial promovida a Old Trafford, tentando conter também a escalada aos seus seguidores. O pacote todo, que custaria €250 aos blaugranas, foi reduzido a €210. A diretoria culé respondeu ainda que “os preços são os mesmos para os nossos torcedores e estão de acordo com outras partidas recentes”, além de apontar que os donos de carnê de temporada em seu estádio pagam menos que em Old Trafford, declarando que “tudo precisa ser colocado em contexto”.

Vale lembrar que, nesta temporada, Anfield já tinha sido palco de protestos neste sentido. Durante as oitavas de final, a torcida do Bayern de Munique ergueu faixas questionando os preços praticados aos visitantes – £48 para estarem ali e €55 aos ingleses na Allianz Arena. Os torcedores do Liverpool demonstraram seu apoio à manifestação e aplaudiram os bávaros por isso. Valores que, diante do que se praticará nestas semifinais, soam até módicos.