Deu até dó dos zagueiros neste golaço digno de concorrer ao Prêmio Puskás

Meia arrancou do campo de defesa e humilhou três adversários antes de marcar um belíssimo gol pelo Campeonato Australiano

O Campeonato Australiano pode estar fora do radar, mas mereceu todas as atenções neste final de semana. Afinal, o Adelaide United goleou o Melbourne City por 4 a 1 e, mais importante do que isso, fez aquele que deve ser o gol do ano no país – provavelmente na Oceania e, porque não, concorrente também ao Prêmio Puskás no final do ano. O australiano Tarek Elrich foi desumano ao humilhar os adversários com uma sequência de dribles sensacionais.

O primeiro “João” é deixado no vácuo, enquanto o segundo se esborracha no chão. Mas ninguém sofre mais que o terceiro, com dois cortes secos. Obviamente, à medida que o talento do meio-campista fica evidente, também falta qualidade técnica dos marcadores. Vale o espetáculo de qualquer forma.