Um dos zagueiros mais desejados do futebol europeu é Kalidou Koulibaly. Aos 29 anos, o jogador do Napoli está sempre com o nome envolvido em especulações para ir para clubes mais ricos que o do sul da Itália. Apesar disso, o jogador deu indicação que não tem planos de deixar a equipe e abriu até a possibilidade de encerrar a carreira jogando pelos Partenopei.

“Minha família está muito feliz aqui e isso me faz feliz”, afirmou o zagueiro em entrevista à Gazzetta dello Sport. “Eu não gosto de ser conhecido ‘o homem de € 100 milhões’. O quanto eu valho é algo para os diretores decidirem. Tudo que eu estou pensando é dar 100% em campo. No futebol, você nunca sabe o que vem pela frente”.

“Eu nunca falei ao clube sobre sair. Nós temos que encontrar uma solução e nós iremos encontrá-la, mas eu nunca falei sobre o mercado de transferências”, continuou o senegalês. “Veremos o que o presidente decide fazer e se ele me propõe uma renovação que, portanto, me permita terminar a carreira aqui”.

O jogador foi perguntado se estava preparado para ficar até o fim da carreira no San Paolo. “Eu não vou dizer não, mas eu não quero enganar ninguém. Sabemos como são as coisas no futebol. Você pode dizer que vai ficar para sempre, mas então é vendido, então em invés disso, eu direi aos torcedores que eu darei 220%, 300% enquanto eu vestir esta camisa”, afirmou o zagueiro.

Nascido em Saint-Dié-desVosges, na França, mas filho de pais senegaleses, o zagueiro começou a carreira pelo Metz, passou pelo Genk, na Bélgica, e está no Napoli desde 2014. Defendeu a seleção francesa sub-20, mas decidiu jogar pelo time principal de Senegal, desde 2015, quando era cotado para ser chamado por Didier Deschamps para a seleção francesa. Com 1,86 metro de altura e boa técnica, o zagueiro é um dos melhores da sua posição na Serie A e, por isso, desperta interesse em outros clubes europeus.

O Napoli sabe que tem no jogador um patrimônio valioso e que pode usar para gerar dinheiro e se reforçar. Por outro lado, substituir um zagueiro como ele não é das tarefas mais fáceis, então é uma decisão que o Napoli precisará tomar com tranquilidade.