Karim Benzema continua fora da seleção francesa na primeira convocação feita depois da Eurocopa. O técnico Didier Deschamps fez algumas alterações no elenco, especialmente trazendo dois laterais jovens para atuarem, Lucas Digne, 23 anos, do Barcelona, e Layvin Kurzawa, também de 23 anos, do PSG. Entre as novidades está também o goleiro  Alphonse Areola, outro de 23 anos e também do PSG. Ele veio para o lugar de Hugo Lloris, machucado desde a primeira rodada da Premier League em jogo pelo Tottenham.

LEIA TAMBÉM: Rivaldo: “Griezmann é bom, mas Benzema é o número 1 da França”

Com a chamada de dois laterais jovens, dois outros veteranos foram deixados de fora: o lateral esquerdo Patrice Evra, 35 anos, e Bacary Sagna, 33. Os dois estavam na final da Eurocopa contra Portugal, quando os Bleus foram derrotados no Stade de France. No lugar de Sagna, foi chamado o lateral direito Sebastien Corchia, do Lille, de 25 anos. “Cabe a Digne e Kurzawa aproveitarem a chance. É importante mostrar que estou pensando neles”, declarou o técnico Didier Deschamps.

“Eu tenho que pensar na Copa do Mundo daqui a dois anos”, justificou ainda Deschamps. “Cabe a ele [Evra] se manter atuando no mesmo nível. Mas me pareceu importante dar algum tempo de jogo e algumas responsabilidades a jogadores mais jovens”, concluiu o ex-capitão da seleção francesa, que comanda a seleção francesa desde 2012.

Quem deve ser titular no gol é Steve Mandanda, que nesta temporada trocou o Olympique de Marseille pelo Crystal Palace, da Inglaterra. O jogador, de 31 anos, é o mais experiente da convocação de Deschamps. Já o zagueiro Raphael Värane, que não foi à Eurocopa por lesão, volta ao elenco. O jogador do Real Madrid começou bem a temporada e deve ser titular do time.

O atacante Alexandre Lacazette, do Lyon, volta à convocação depois de ficar fora da Eurocopa. Na última temporada, foram 23 gols em 44 jogos. Nesta, ele já marcou cinco gols em três jogos. Seu companheiro de Lyon, Nabil Fekir, que também ficou fora da Eurocopa, é mais um a retornar à seleção francesa. André-Pierre Gignac, do Tigres, do México, também continua no elenco francês. Foi o ex-jogador do Marseille que vestiu a camisa 10 na Eurocopa, número que normalmente era usado por Benzema – inclusive na Copa do Mundo de 2014.

A França enfrenta a Itália no dia 1º de setembro, em amistoso disputado em Bari, e depois Belarus no dia 6, na estreia das Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2018. A França está no Grupo Q junto com Holanda, Suécia, Bulgária, Belarus e Luxemburgo.

Veja a convocação da França:

Goleiros: Alphonse Areola (Paris Saint-Germain), Benoit Costil (Rennes), Steve Mandanda (Crystal Palace-ING)

Defensores: Sebastien Corchia (Lille), Lucas Digne (Barcelona-ESP), Laurent Koscielny (Arsenal-ING), Layvin Kurzawa (Paris Saint-Germain), Adil Rami (Sevilla-FRA), Djibril Sidibe (Monaco), Samuel Umtiti (Barcelona-ESP), Raphael Varane (Real Madrid-ESP).

Meio-campistas: Yohan Cabaye (Crystal Palace-ING), N’Golo Kante (Chelsea-ING), Blaise Matuidi (Paris Saint-Germain), Dimitri Payet (West Ham-ING), Paul Pogba (Manchester United-ING), Moussa Sissoko (Newcastle-ING).

Atacantes: Nabil Fekir (Lyon), Andre-Pierre Gignac (Tigres-MEX), Olivier Giroud (Arsenal-ING), Antoine Griezmann (Atletico Madrid-ESP), Alexandre Lacazette (Lyon), Anthony Martial (Manchester United-ING).

Chamada Trivela FC 640X63