Benfica e Porto dominam os principais títulos em Portugal nas últimas décadas, mas fazia tempo que os dois rivais não se encaravam na decisão da Taça de Portugal. Desde 2004, não acontecia uma final entre portistas e benfiquistas no mais importante mata-mata do país. O hiato chegou ao fim nesta semana. Enquanto os encarnados superaram o Famalicão em uma das semifinais, os dragões ganharam do Acadêmico de Vizeu por 3 a 0 nesta quarta-feira. Fica o encontro marcado para o Estádio Nacional do Jamor, em maio.

O Benfica já tinha encaminhado sua classificação contra o Famalicão na ida, ao vencer por 3 a 2 na Luz. Já nesta terça, o empate por 1 a 1 na Vila Nova de Famalicão bastou. Pizzi abriu o placar, antes de Toni Martínez igualar no fim. Já o Porto cumpriu sua tarefa na volta, após empatar em Viseu por 1 a 1. Foi um triunfo tranquilo sobre o Acadêmico nesta quarta, com o placar de 3 a 0 no Dragão. Alex Telles, Zé Luis e Sérgio Oliveira se encarregaram de balançar as redes.

No passado, aconteceram dez finais entre Benfica e Porto na Taça de Portugal. Os encarnados possuem ampla vantagem no confronto direto, com nove conquistas. O único título dos portistas em cima dos lisboetas na competição aconteceu em 1958. Desde 2004, os rivais se ausentaram das decisões em apenas quatro ocasiões, com quatro títulos do Porto e dois do Benfica, mas nunca se cruzavam. A disputa acirrada no Campeonato Português, liderado pelos encarnados, será um elemento a mais para apimentar o reencontro ao final da temporada.