Alessandro Del Piero revelou ter ficado surpreso com as declarações do presidente da Juventus, Andrea Agnelli, que afirmou no fim do ano passado que esta é a última temporada do camisa 10 no clube. Desde 1993 na Vecchia Signora, o atacante tem contrato até junho.

“A decisão de Agnelli me surpreendeu. Mas um capitão nunca deve esquecer os seus deveres e o que ele representa. A Juventus está comprometida em vencer o Scudetto e a Copa da Itália. Não há necessidade de controvérsias, o que nunca esteve presente na minha carreira”, afirmou, em entrevista à revista Vanity Fair.

Reserva durante toda a temporada, Del Piero também falou sobre a sensação de permanecer no banco de reservas: “Essa tem sido a temporada mais difícil da minha carreira, porque estou lidando com uma situação que não conhecia: jogo pouco ou quase nada. Se alguém está jogando em seu lugar, é porque merece isso, e não significa que você deve deixar de lutar por um lugar”.

Por fim, o atacante comentou a possibilidade de mudar de clube para a próxima temporada: “Estarei sem contrato no dia 30 de junho. Eu não posso imaginar meu futuro. É uma mudança enorme e me assusta um pouco, porque é como se eu estivesse deixando minha casa pela segunda vez. Porém, viverei esse desafio da mesma forma quando jogava videogame quando garoto. Será uma nova fase a ultrapassar”.