O retorno do Estrela Vermelha à Liga dos Campeões causou uma enorme repercussão, especialmente pela maneira como a torcida festejou o momento e o clube homenageou os campeões continentais de 1991. No entanto, não era a única volta marcante que aconteceu nesta fase de grupos. O Young Boys não possui um histórico tão glorioso, mas merece respeito. Semifinalista em 1958/59, quando caiu apenas para o poderoso Stade de Reims, o time suíço possui cinco participações na competição em seu antigo formato. Contudo, desde 1986/87 que os aurinegros não figuravam nas fases principais. Assim, 32 anos depois, também rolou uma bonita festa no Estádio Wankdorf – o palco da final da Copa de 1954. Um mosaico em preto e dourado tomou as arquibancadas. Além disso, o mascote da equipe apareceu com a taça nas mãos e olhos fumegantes. Uma “mini Muralha Amarela” que empurrou os anfitriões, em atuação valente contra o Manchester United, apesar da derrota por 3 a 0.