O site gringo Gamasutra (sim, é esse o nome) é bastante interessante sob vários pontos de vista. Diferentemente de outros do ramo dos games, este, especificamente, aborda o mercado de produção e vendas de jogos eletrônicos. E toda semana, solta uma lista dos cinco mais vendidos por console, nos três principais pólos: Japão, Estados Unidos e Inglaterra (que, a bem da verdade, representa bem um cenário europeu), segundo dados da Amazon. Os resultados não surgem com o quanto que o jogo conseguiu lucrar, mas são ótimos para se estudar o momento dos games voltados ao futebol virtual.

O primeiro ponto que chama atenção é a inexistência, desde janeiro, de games do campo aqui analisado entre os mais vendidos nos consoles da Nintendo (Wii e DS). No primeiro, predominam os jogos produzidos para o próprio aparelho, como Wii Fit e Wii Play, por exemplo. No segundo, é a série Super Mario que domina boa parte da lista. E, como dito, nada de futebol. No entanto, há algumas formas de se analisar essa situação, especialmente para o Wii, que é hoje o console mais vendido do planeta.

Tradicionalmente, a Nintendo é conhecida no mundo dos games por ser a grande inovadora e a que melhor permite a interatividade do jogador. E apesar de International SuperStar Soccer ter sido uma grande febre e sucesso quando lançado para Super Nintendo, no meio da década passada, pode-se dizer que foi um dos raros exemplos bem sucedidos de jogos de futebol para a empresa. Tanto é que, em comparação com suas versões em outros consoles, games multi-plataforma como FIFA, por exemplo, sempre tiveram a versão para algum aparelho da companhia japonesa bastante criticada.

Além disso, vale lembrar que a jogabilidade, para games do gênero é bastante complexa, já que é necessária uma interação bastante precisa entre o gamer e o controle sem fio, que se notabilizou, na área esportiva, em jogos de tênis, corrida e beisebol. Até por isso, o jogo da NLB é um dos que surgem com mais frequência entre os top 5. Todavia, vale lembrar que, há um ano atrás, PES 2008 (pasmem!) chegou a figurar inclusive como líder de vendas para Wii na Inglaterra, embora, hoje, a nova versão — que é bem superior à do ano passado — não chegue perto. O que dá, inclusive, um outro sinal: que o perfil do jogador da Nintendo segue se segmentando cada vez mais, adequando-se mais aos acessórios.

Mas não foi só no Wii que o game da Konami perdeu espaço, como já foi comentado anteriormente nessa coluna. As maiores provas são os resultados que provém de janeiro dessa mesma análise publicada pelo Gamasutra. Basta dizer que a série só apareceu cinco vezes desde o começo do ano, sendo quatro no Japão — onde seu nome ainda é Winning Eleven (WE) —, local em que a série é bastante popular, até por ter sido lá originada e ter uma ligação muito mais forte com o público local do que o rival da EA Sports. Em uma ocorrência (30 de janeiro), Pro Evolution apareceu na listagem inglesa, mas imediatamente atrás de… FIFA!

Ainda assim, PES/WE não aparece em um top 5 desde fevereiro, quando surgiu no 3º lugar da lista dos mais vendidos para Playstation 2. Outro ponto, aí, é válido de se comentar: apesar do acachapante sucesso do começo na atual década e da tentativa de se expandir para outros consoles, a franquia nunca conseguiu se soltar das raízes que a prendiam historicamente à Sony. O que reforça ainda mais a escassez de outras aparições nas listagens do presente ano.

A grande disputa

E enquanto o jogo da empresa japonesa segue, por mais um ano, no anonimato, FIFA continua em franca ascensão no mercado, com o elogiado FIFA 2009. O game apareceu em todas as listas referentes ao Reino Unido, em consoles diferentes, e só não pintou nos consoles da Nintendo e para PC. Nos últimos resultados, publicados em 4 de abril, o jogo da EA Sports foi o 2º mais vendido para Xbox 360, o 4º nas relações do Playstation 3 e Playstation 2, e o líder no PSP.

Valem, aí, algumas pontuações. Primeiramente no que diz respeito ao sucesso de FIFA nos mercados europeus. Como já dito aqui algumas vezes, o jogo produzido pelo grupo canadense da Eletronic Arts é bastante antigo e tradicional, e já tem um público firmado bastante forte. Além disso, a Premier League, que hoje é a mais rica e famosa da Europa, é licenciada apenas para o FIFA, enquanto o rival PES acaba só podendo usar nomes fictícios, como Man Red, por exemplo, para se referir ao Manchester United. Isso acaba afastando público não apenas no Reino Unido, mas em outros tantos locais da Europa, onde a liga inglesa é bastante admirada. Sem contar a popularidade do futebol na terra da Rainha.

O outro ponto — e aí fica evidente quem está realmente na frente dentre os dois gigantes do futebol virtual — foi justamente a supremacia do game frente ao PES em ambos os Playstations, onde, nos últimos anos, pode-se dizer que a briga costumava ser mais acirrada. Vale lembrar, por exemplo, que há um ano, ainda apareciam mais incidências do Pro Evolution Soccer — e em melhores colocações — do que o game da EA Sports.

O que, por si só, não apenas deixa claro que a versão atual de FIFA tem agradado mais que a do concorrente, mas também evidencia que o fracasso de PES 2008 (sim, pois mesmo os fãs brasileiros mais adeptos da franquia da Konami criticaram bastante a edição passada do jogo) foi bastante prejudicial para a série. Afinal, é aquela história: quando o serviço não é bem prestado em algum estabelecimento, já surge o receio de se voltar àquele lugar, e se aguça a curiosidade de se tentar algo novo. A situação é bastante semelhante.

Falar em superioridade de FIFA sobre PES, no Brasil, mesmo apresentando dados — como se fará mais abaixo, com a íntegra dos resultados onde figuram os games de futebol — é complicado, devido ao estrondoso sucesso que o jogo de origem japonesa fez por aqui na atual década, e à decadência do eternamente contestado game que tem o apoio da entidade máxima do futebol. E, claro, pela imensa carga de fãs que os japoneses atraíram em um cenário bastante semelhante ao atual. O colega jornalista Caio Prado, da IG, expressou muito bem, em entrevista a este colunista no ano passado, o que representou a chegada de WE/PES, ainda que de modo ilegal, ao mercado: “uma brisa fresca em meio ao continuísmo”.

A diferença, nos últimos sete, oito anos, de um para outro era tão gritante que mesmo as já poucas mudanças estruturais que a série passou a promover a partir de 2005, aproximadamente, eram o suficiente para bater com facilidade o rival, que tentava se sustentar, ainda que com cada vez menos sucesso, em um ramo onde sempre teve força, que era o PC. Mas nunca se pode esquecer, todavia, do advento da pirataria na propagação do jogo por aqui. Fato esse que foi tema da última coluna, onde se defendeu maiores atitudes por parte dos próprios clubes brasileiros, de maneira a incentivar o marketing dentro dos games (E, curiosamente, uma reportagem da revista Pequenas Empresas Grandes Negócios, na última semana, abordou justamente esse aspecto).

Hoje, os papeis se inverteram, e FIFA é a “brisa fresca” do momento. Aparentemente, com uma equipe de produção mais ciente de que não se poderá parar no tempo como feito no passado, e tendo em mente que, a cada ano, serão necessárias novas e interessantes mudanças, especialmente na eternamente criticada (e com razão) jogabilidade, de forma a manter a dianteira. PES 2009 é bem superior à versão passada, e mostra que a Konami dá sinais de que começa a se encontrar novamente, após um estrondoso baque no ano anterior. O interessantíssimo modo carreira de ambos e, da parte da franquia japonesa, a aquisição dos direitos da Liga dos Campeões na versão para PS3, é sinal de que a disputa ficará mais equilibrada para os próximos anos.

Interação

Uma observação: ao se observar os dados abaixo, notar-se-á fatalmente o grande sucesso de Football Manager 2009 no mercado para PCs. O jogo, seu histórico e sucesso, será assunto nas próximas colunas. Aliás, se os leitores assim desejarem, podemos publicar, a cada coluna, o andamento das vendas do mercado de games nas semanas que se passaram desde a última.

Vendagens desde janeiro (apenas onde houver jogos de futebol)

Fonte: Gamasutra/Amazon

23/01

Xbox 360 – Reino Unido

1. FIFA 09 (EA Sports), 2. The Lord of the Rings: Conquest (EA Games), 3. Call of Duty: World at War (Activision), 4. Fable II (Microsoft), 5. Grand Theft Auto IV (Rockstar).

PlayStation 3 – Reino Unido

1. LittleBigPlanet (SCEE), 2. Resistance 2 (SCEE), 3. Grand Theft Auto IV (Capcom), 4. FIFA 09 (EA Sports), 5. Fallout 3 (Bethesda).

PlayStation 2 – Reino Unido

1. SingStar: ABBA (SCEE), 2. Tomb Raider: Underworld (Eidos), 3. Call of Duty: World at War Final Fronts (Activision), 4. FIFA 09 (EA Sports), 5. SingStar Legends (SCEE).

30/01

Xbox 360 – Reino Unido

1. FIFA 09 (EA Sports), 2. Call of Duty: World at War (Activision), 3. Fallout 3 (Bethesda), 4. Gears of War 2 (Microsoft), 5. Grand Theft Auto IV (Rockstar).

PlayStation 3 – Reino Unido

1. LittleBigPlanet (SCEE), 2. Resistance 2 (SCEE), 3. FIFA 09 (EA Sports), 4. Call of Duty 4: Modern Warfare (Activision), 5. Grand Theft Auto IV (Rockstar).

PlayStation 2 – Reino Unido

1. SingStar: ABBA (SCEE), 2. Tomb Raider: Underworld (Eidos), 3. Persona 3 FES (Koei), 4. FIFA 09 (EA Sports), 5. Pro Evolution Soccer 2009 (Konami).

PC – Reino Unido

1. Football Manager 2009 (Sega), 2. Left 4 Dead (EA Games), 3. Fallout 3 (Bethesda), 4. Spore (EA Games), 5. Command & Conquer: Red Alert 3 (EA Games).

PSP – Japão

1. Tales of the World: Radiant Mythology 2 (Namco), 2. World Soccer Winning Eleven 2009 (Konami), 3. Dissidia: Final Fantasy (Square Enix), 4. Zill O'll Infinite Plus (Koei), 5. Tales of the World: Radiant Mythology 2 — Special Edition (Namco)

PSP – Reino Unido

1. FIFA 09 (EA Sports), 2. God of War: Chains of Olympus (SCEE), 3. Call of Duty: Roads to Victory (Activision), 4. Lego Batman (Warner Bros.), 5. Football Manager Handheld 2009 (Sega).

13/02

Xbox 360 – Reino Unido

1. Left 4 Dead (EA Games), 2. FIFA 09 (EA Sports), 3. Call of Duty: World at War (Activision), 4. F.E.A.R. 2: Project Origin (Warner Bros.), 5. Call of Duty 4: Modern Warfare — Game of the Year Edition (Activision).

PlayStation 3 – Japão

1. Demon's Souls (SCEI), 2. Street Fighter IV (Capcom), 3. Ryu ga Gotoku Kenzan! — PlayStation 3 The Best (Sega), 4. Fallout 3 (Bethesda), 5. World Soccer Winning Eleven 2009 (Konami).

PlayStation 3 – Reino Unido

1. LittleBigPlanet (SCEE), 2. Call of Duty 4: Modern Warfare — Game of the Year Edition (Activision), 3. FIFA 09 (EA Sports), 4. Resistance 2 (SCEE), 5. Motorstorm: Pacific Rift (SCEE).

PlayStation 2 – Reino Unido

1. SingStar: ABBA (SCEE), 2. Ben 10: Alien Force (D3 Publisher), 3. SingStar Singalong with Disney (SCEE), 4. FIFA 09 (EA Sports), 5. Tomb Raider: Underworld (Eidos).

PC – Reino Unido

1. Football Manager 2009 (Sega), 2. F.E.A.R. 2: Project Origin (Warner Bros.), 3. World of Warcraft: Wrath of the Lich King (Blizzard), 4. The Sims 2: Double Deluxe (EA Games), 5. Spore (EA Games).

PSP – Japão

1. Tales of the World: Radiant Mythology 2 (Namco), 2. Monster Hunter Portable 2nd G — PSP the Best (Capcom), 3. World Soccer Winning Eleven 2009 (Konami), 4. Eiyuu Densetsu no Kiseki Set (Nihon Falcom), 5. Dissidia: Final Fantasy (Square Enix).

PSP – Reino Unido

1. FIFA 09 (EA Sports), 2. God of War: Chains of Olympus (SCEE), 3. Football Manager Handheld 2009 (Sega), 4. Lego Batman (Warner Bros.), 5. Call of Duty: Roads to Victory (Activision).

20/03

PlayStation 2 – Reino Unido

1. SingStar: Queen (SCEE), 2. SingStar: ABBA (SCEE), 3. Shin Megami Tensei: Persona 4 (Square Enix), 4. FIFA 09 (EA Sports), 5. Rugby 08 (EA Sports).

PC – Reino Unido

1. Empire: Total War (Sega), 2. Football Manager 2009 (Sega), 3. Empire: Total War — Special Forces Edition (Sega), 4. Tom Clancy's H.A.W.X. (Ubisoft), 5. Warhammer 40,000: Dawn of War II (THQ).

PSP – Reino Unido

1. Resistance: Retribution (SCEE), 2. FIFA 09 (EA Sports), 3. Ben 10: Alien Force (D3 Publisher), 4. Football Manager Handheld 2009 (Sega), 5. God of War: Chains of Olympus (SCEE).

04/04

Xbox 360 – Reino Unido

1. Gears of War 2 (Microsoft), 2. FIFA 09 (EA Sports), 3. Grand Theft Auto IV (Rockstar), 4. Left 4 Dead (EA Games), 5. Call of Duty 4: Modern Warfare — Game of the Year Edition (Activision).

PlayStation 3 – Reino Unido

1. LittleBigPlanet (SCEE), 2. Killzone 2 (SCEE), 3. Grand Theft Auto IV (Rockstar), 4. FIFA 09 (EA Sports), 5. Buzz! Quiz TV Special Edition Bundle (SCEE).

PlayStation 2 – Reino Unido

1. SingStar: Queen (SCEE), 2. Shin Megami Tensei: Persona 4 (Square Enix), 3. SingStar: ABBA (SCEE), 4. FIFA 09 (EA Sports), 5. Call of Duty: World at War — Final Fronts (Activision).

PC – Reino Unido

1. Empire: Total War (Sega), 2. Football Manager 2009 (Sega), 3. Left 4 Dead (EA Games), 4. Empire: Total War — Special Forces Edition (Sega), 5. World of Warcraft: Wrath of the Lich King (Blizzard).

PSP – Reino Unido

1. FIFA 09 (EA Sports), 2. Resistance: Retribution (SCEE), 3. God of War: Chains of Olympus — Platinum Edition (SCEE), 4. Tiger Woods PGA Tour 09 (EA Sports), 5. Grand Theft Auto: Vice City Stories — Platinum Edition (Rockstar).