David Villa: “Estou pronto e quero jogar o quanto antes”

Atacante tem sido um reserva de luxo no Barcelona e na Espanha, diz que está preparado para jogar e que está com vontade de começar jogando

Ter David Villa como reserva é um luxo que o Barcelona e a Espanha têm tido o privilégio de usufruir. O atacante, que voltou de lesão após uma grave lesão em dezembro de 2011, tem entrado no decorrer das partidas – como foi no clássico do Barcelona contra o Real Madrid e na partida da Espanha com Belarus.

“Estou muito bem”, disse Villa. “Durante esses meses de lesão, me dei conta que tive muita sorte. Foi grave, mas estive rodeado dos melhores profissionais e sempre tive apoio de amigos, familiares e pessoas que agradecerei por toda a vida”, contou El Guaje.

Villa não esconde a insatisfação por começar as partidas no banco de reservas nesse início de temporada. “O fato de não estar acostumado a não jogar me faz ter menos paciência, mas devo estar ciente que todo mundo está comigo, tanto no Barcelona quanto na seleção. Devo tentar ter um pouco mais de paciência”, afirmou o atacante. “Estou preparando para jogar já, quero jogar o quanto antes, mas tudo depende dos treinadores”, disse.

El Guaje elogiou o adversário da Espanha nesta terça-feira, a França. “É o rival a bater, uma equipe potente, poderosa”, disse. “Eles vêm com jogadores que tem pouco tempo de seleção, mas têm gana de agradar. Além disso, jogam conosco e querem jogar bem”, analisou ainda Villa.

Com um jeito reservado e de poucas palavras, Villa comentou sobre isso. “Eu sou um cara sério, tímido, mas isso me custou muito. Na intimidade, sorrio mais”, disse o atacante. Villa é cotado para o jogo contra a França, mas o técnico espanhol, Vicente Del Bosque, ainda não confirmou o time que começará jogando contra os Bleus.