Dentro de campo, Borussia Dortmund e Atalanta fizeram o melhor jogo da rodada na Liga Europa. Um confronto aberto, com muita intensidade de ambos os times, que teve duas viradas no placar e o gol da vitória aurinegra apenas nos acréscimos do segundo tempo. Além disso, nas arquibancadas o duelo no Signal Iduna Park não deixou nada a desejar. As cenas das torcidas são marcantes, e representam bem a paixão envolvendo dois clubes viscerais. O que só aumenta a expectativa sobre o que acontecerá na Reggio Emilia, no reencontro marcado para a próxima semana.

Como era de se esperar, os torcedores do Borussia Dortmund deram o seu show. Desta vez não rolou mosaico na recepção aos times, mas nem por isso a festa perdeu beleza: enquanto os bandeirões tremulavam, milhares de serpentinas e papéis picados ganharam os ares bem em frente da Muralha Amarela. E como era de se esperar, ao longo dos 90 minutos, o apoio foi total. Culminou na festa pelo gol derradeiro de Michy Batshuayi, garantindo a vitória por 3 a 2 dos anfitriões.

A Atalanta, à sua maneira, não ficou atrás. Mais de cinco mil torcedores cruzaram os Alpes e seguiram à Alemanha para lotar o setor visitante. Em alguns momentos, chegaram a competir na voz com os aurinegros, fazendo muito barulho em um dos cantos do estádio. Já ao final, a cena mais tocante aconteceu quando o presidente da Dea, Antonio Percassi, foi agradecer os nerazzurri. Ele não conseguiu conter as lágrimas. Ex-jogador do clube, Percassi iniciou depois a trajetória como empresário e assumiu a presidência pela primeira vez nos anos 1990, antes de voltar em 2010. Vivenciou justamente alguns dos melhores momentos da Atalanta. E certamente contará com o apoio de uma multidão ainda maior no Estádio Mapei.


Os comentários estão desativados.