O primeiro título da Liga das Nações ficou com Portugal. A vitória por 1 a 0 contra a Holanda, neste domingo, deu a taça da primeira edição do torneio ao time que jogou em casa a fase final. O grande nome do time português é Cristiano Ronaldo, que acabou como artilheiro do torneio – fez três gols na semifinal diante da Suíça. E o atacante falou sobre a alegria de ganhar o título em casa, diante da própria torcida, e também sobre a renovação da seleção portuguesa, com nomes como Gonçalo Guedes, autor do gol do título, e Bernardo Silva, eleito o melhor jogador do torneio.

“Sinto muita felicidade! Foi excelente, eu estou muito feliz. Ganhar o troféu em Portugual, em frente ao povo de portugal, para mim é uma grande honra”, disse o astro. O jogador foi perguntado sobre ter conquistado o título depois de perder a final da Eurocopa 2004, contra a Grécia, em casa.

“Excelente. Como eu disse antes, eu estou muito feliz de vencer aqui. Os portugueses merecem isso. Eles nos apoiaram desde o começo das duas partidas, contra Suíça e hoje, e este troféu foi para todos eles. Isso não pertence à seleção nacional, mas a toda Portugal”, disse Ronaldo.

Um dos pontos ressaltados no time de Portugal foi a presença de novos jogadores, mais jovens, renovando o time do qual agora Ronaldo é um dos mais experientes. “A seleção nacional irá continuar, com ou sem Cristiano. Eu acho que o time tem um grande potencial. Há jogadores jovens, jogadores que ao longo dos anos se tornarão mais maduros e melhores”, avaliou o capitão de Portugal.

Aos 34 anos, Cristiano Ronaldo parece disposto a seguir brilhando com a camisa da seleção lusa. O jogador não dá sinais de queda de rendimento e termina como artilheiro da Liga das Nações e campeão. “Eu quero ser parte desse projeto porque eu me sinto bem e me sinto capaz de ajudar a seleção nacional. Mas, como eu disse, a seleção nacional tem o potencial para continuar a evoluir e ganhar mais troféus”, afirmou o camisa 7 de Portugal.

A seleção portuguesa volta a se reunir em setembro, quando fará seu primeiro jogo nas Eliminatórias da Eurocopa, contra a Sérvia, no dia 7 de setembro, fora de casa. No dia 10 de setembro, Portugal volta a campo para enfrentar a Lituânia, também fora de casa.