Cristiano Ronaldo faz dois, iguala Immobile na artilharia e Juventus bate Lazio para abrir vantagem de 8 pontos

Com dois gols do português, a Juventus superou uma Lazio que não conseguiu se encontrar

A Juventus conseguiu levar a melhor sobre um dos times que era sua concorrente ao scudetto antes da quarentena pela pandemia do coronavírus. A vitória por 2 a 1 coloca a Velha Senhora muito perto do seu nono scudetto consecutivo, com oito pontos de vantagem a quatro jogos do fim da liga italiana. A Lazio, principal concorrente da equipe de Turim até antes da parada, agora é a quarta colocada, mas com uma larga e confortável vantagem sobre a Roma, que está em quinto na tabela.

[foo_related_posts]

Como tem sido habitual desde o retorno do futebol na Itália, a Lazio chegou à partida cheia de desfalques. Luis Alberto, Joaquin Correa, Jony, Senad Lulic, Stefan Radu, Lucas Leiva, Adam Marusic e ainda Patric, este último por suspensão. Djavan Anderson, holandês de 25 anos, foi titular pela primeira vez nos biancocelesti.

O time da casa também tinha desfalques. Federico Bernardeschi estava suspenso, Giorgio Chiellini, Mattia De Sciglio e Sami Khedira estavam todos machucados. Maurizio Sarri decidiu colocar o atacante Gonzalo Higuaín como titular, mas ele sentiu uma lesão muscular e foi substituído ainda no aquecimento por Paulo Dybala.

Nesta temporada, a Lazio vinha levando vantagem sobre a Juventus. Nas duas vezes, vitórias por 3 a 1, tanto na Supercopa da Itália quanto no primeiro turno da Serie A. Só que desta vez, não teve jeito. Em um duelo de artilheiros entre Cristiano Ronaldo e Ciro Immobile, o português levou a melhor, com dois gols contra um do italiano.

No final da primeira etapa, o artilheiro da Serie A quase abriu o placar. Immobile soltou um chute perigoso e chegou perto de marcar. Seria o seu 30º gol na liga, depois de três partidas sem marcar um gol sequer. Embora os dois times tenham criado algumas chances, a Juventus acabou sendo melhor ao longo do primeiro tempo, mas o placar ficou empatado por 0 a 0.

No começo do segundo tempo, Cristiano Ronaldo chutou forte de fora da área e a bola foi bloqueada com o braço por Bastos, aos cinco minutos da segunda etapa. O árbitro inicialmente marcou falta fora da área, mas a revisão indicada pelo VAR, mudou a marcação para pênalti. Cristiano Ronaldo cobrou bem, no canto e o goleiro Thomas Strakosha quase conseguiu pegar. Foi o seu 50º gol na Serie A, o que o tornou o primeiro jogador a marcar ao menos 50 gols na Premier League, La Liga e Serie A, um feito notável.

Logo depois, aos nove minutos, o zagueiro Luiz Felipe perdeu a bola no círculo central para Paulo Dybala e o argentino conduziu a bola livre, com Ronaldo ao seu lado. Ele só rolou para o lado para deixar o português livre, leve e solto, sem goleiro, para empurrar para o fundo do gol: 2 a 0, em menos de 10 minutos do segundo tempo. Uma vantagem grande em um período curto.

A Juventus se empolgou no jogo, Dybala fez uma boa jogada e cruzou para Ronaldo, de cabeça, quase marcar o seu terceiro gol. Depois, foi o argentino que dominou bem a bola e finalizou com muito perigo, com Strakosha fazendo uma grande defesa.

Andre Anderson veio do banco para melhorar a Lazio, com uma finalização perigosa que obrigou uma defesa de Wojchiech Szczesny. Logo depois, em um escanteio, Sergej Milinkovic-Savic quase marcou de cabeça.

A vitória parecia que viria de forma tranquila, mas como se tornou costumeiro com a Juventus, o time diminuiu o ritmo e pareceu perder parte da concentração. A Lazio cresceu no jogo.

Em um lançamento pelo meio da defesa, o zagueiro Leonardo Bonucci perdeu o tempo da bola e não viu Immobile chegar atrás dele. Ao tentar afastar o perigo, não chutou a bola e acertou o atacante da Lazio. Pênalti imediatamente marcado pelo árbitro. O próprio Immobile cobrou e marcou: 2 a 1. Foi, enfim, o seu 30º gol na Serie A, artilheiro do campeonato. Ele igualou a marca de Cristiano Ronaldo em pênaltis marcados, 12 no total.

O gol fez a Lazio pressionar. Milinkovic-Savic cobrou uma falta com precisão, no alto, e exigiu uma defesa muito difícil de Szczesny, que voou para fazer uma grande defesa. No final, vitória garantida para os líderes do Campeonato Italiano, que ficam muito perto da taça.

Classificações Sofascore Resultados