Coudet não teve uma estreia feliz à frente do Celta, superado pelo Sevilla nos minutos finais

Eduardo Coudet fez sua estreia à frente do Celta de Vigo neste sábado, mas não conseguiu surpreender em um compromisso complicado por sua nova equipe. Os galegos visitavam o Sevilla, dentro do Estádio Ramón Sánchez-Pizjuán. Os celestes até ameaçaram aprontar, virando o placar durante o primeiro tempo, mas não conseguiram sustentar a diferença. Os andaluzes reagiram e, na reta final da partida, conquistaram a vitória por 4 a 2. Enquanto o Sevilla se aproxima da zona de classificação às copas europeias, o Celta permanece no Z-3.

O Sevilla abriu o placar logo aos cinco minutos, com Jules Koundé aproveitando um rebote do goleiro Rubén Blanco dentro da área. Iago Aspas empatou aos 10, num vacilo de Tomás Vaclík, ao soltar a bola diante da meta. E os galegos tomaram a dianteira aos 36, com Nolito mandando às redes depois de boa jogada de Aspas. Todavia, nos acréscimos, Jesús Navas cruzou para Youssef En-Nesyri deixar tudo igual novamente de cabeça.

Durante o segundo tempo, o Sevilla tinha dificuldades para escapar da pressão alta do Celta e tomava sufoco de Iago Aspas, dependendo das defesas de Vaclík. Todavia, a sorte sorriu aos anfitriões na reta final do duelo, com a vitória desenhada a partir dos 40. Ivan Rakitic preparou a jogada e Sergio Escudeiro soltou o pé de fora da área, contando com um desvio no meio do caminho para enganar o goleiro Rubén Blanco. Por fim, num contragolpe, Fernando enfiou a bola e Munir El Haddadi fechou o triunfo andaluz.

O Sevilla chega aos 13 pontos no Campeonato Espanhol, no momento ocupando o sétimo lugar. Já o Celta é o penúltimo colocado, com sete pontos. A equipe só venceu um de seus dez compromissos até o momento e possui a pior defesa da competição, com 19 gols sofridos.

Classificação fornecida por SofaScore LiveScore