O técnico do Chelsea, Antonio Conte, elogiou muito o seu novo contratado, Alvaro Morata. O atacante chega do Real Madrid por um valor inicial de € 65 milhões, que pode chegar a € 80 se atingidos alguns objetivos. Para o técnico, Morata está no mesmo nível de Romelu Lukaku, que era o nome mais especulado para voltar a vestir a camisa do Chelsea em substituição a Diego Costa.

LEIA TAMBÉM: O Chelsea tem um novo centroavante, mas Morata levanta mais questões que certezas

Lukaku acabou indo para o Manchester United por um valor alto, € 84,7 milhões. O atacante de 24 anos, mesma idade de Morata, era o alvo do Chelsea, enquanto Morata era um desejo do Manchester United. No fim, o United ficou com o belga, enquanto o Chelsea ficou com o espanhol. Para Conte, os dois estão no mesmo nível e a expectativas sobre o jogador espanhol são grandes.

“Não é importante dizer se Lukaku ou Morata eram a minha primeira opção”, afirmou Conte, em entrevista a diversos veículos de comunicação ingleses. “Os dois jogadores eram primeira opção para um grande clube como United ou Chelsea”, continuou. “Para mim, Lukaku e Morata estão no mesmo nível, primeira escolha para um grande clube como Chelsea ou United”.

“Você conhece bem a dinâmica do mercado de transferência. Pareceu que Morata iria acabar no Manchester United e Lukaku no Chelsea. Em vez disso, acontece o inverso”, explicou Conte. “Eu gosto da técnica de Morata. Fisicamente ele é um bom jogador e com certeza eu preciso trabalhar com ele para pedir a ele o que eu quero do seu trabalho no jogo. Morata é um bom finalizador, ele já mostrou isso no passado”.

“Eu acho que ele deu um bom passo [nos últimos três anos] e agora é um dos melhores atacantes da Europa”, opinou o treinador italiano. “Ele tem um grande potencial, ele pode melhorar muito e na última temporada ele não jogou muitos jogos e marcou 20 gols”, afirmou ainda Conte.

“Eu o queria na Juventus antes de sair, naquela época ele era muito jovem, mas agora com a experiência na Juventus e no Real Madrid, ele está pronto para vir para o Chelsea e jogar como o nosso atacante”, revelou Conte, que treinou a Juventus de 2011 a 2014, com três títulos italianos – que iniciaram o hexacampeonato conquistado pelo time em 2016/17 -, além de uma Supercopa italiana.

Morata foi contratado pela Juventus justamente quando o técnico saiu, naquele verão europeu de 2014. Ficou no clube duas temporadas antes de ser recomprado pelo Real Madrid e vendido novamente, agora para o Chelsea. Chega para provavelmente vestir a camisa 9 do clube, que não tem uso desde a saída de Radamel Falcao, que não teve sucesso pelos Blues na única temporada que jogou por lá. Morata terá a chance de finalmente ter continuidade como titular na carreira.